A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Car Culture

O mais novo carro elétrico chinês de baixo custo é um… Mitsubishi Outlander modificado no Photoshop?

Nos últimos meses foi bastante noticiado o lançamento de uma nova fabricante chinesa, a WM Motors. A startup foi fundada em 2015 por Freeman Shen, ex-executivo da Geely (para quem não lembra, a atual dona da Volvo), com o intuito de fabricar veículos elétricos. O objetivo era rivalizar com a Tesla, que atualmente domina o mercado de elétricos, trazendo como diferencial o preço acessível.

De acordo com o Bloomberg, Shen conseguiu atrair investidores de todo o planeta e, em agosto de 2016, já havia levantado mais de US$ 1 bilhão para dar início a suas atividades. Matérias publicadas pela Forbes e pela Fortune na época falavam em uma produção anual de 200.000 por ano quando a fábrica em Shanghai começar a operar à capacidade total.

Então, há alguns dias, a WM Motors apresentou as fotos de divulgação de seus primeiros modelos. Só tem um problema: na verdade, as imagens são fotos de divulgação do Mitsubishi Outlander alteradas no Photoshop. Na cara dura.

Os primeiros a notarem a semelhança foram os caras do Electrek, site especializado em veículos elétricos e outras tecnologias relacionadas a eles. As fotos mostram quatro veículos: um sedã, um crossover com jeito de perua, e o tal SUV cujas imagens denunciaram a malandragem.

wm-1

O visual dos carros é moderno, com detalhes em laranja (cores vivas são uma tendência atual entre os conceitos elétricos), grade dianteira limpa e formas agressivas nos para-choques e saias laterais. Mas um exame mais minucioso nas imagens do SUV evidenciam que o ponto de partida foram fotos do Mitsubishi Outlander PHEV Concept-S, conceito híbrido do utilitário japonês que foi apresentado no Salão de Paris de 2014.

wmmotor2-2 mitsubishi-outlander-phev-concept-s-15-2

Por mais que as formas da dianteira e da traseira tenham sido radicalmente alteradas, bem como a área envidraçada e os arcos dos para-lamas; o entre eixos, o para-brisas e as maçanetas externas continuam exatamente iguais. Sem falar nos pinheiros ao fundo.

wmmotor-2 mitsubishi-outlander-phev-concept-s-18-2

Até o reflexo no vidro traseiro foi aproveitado

Observando com cuidado as fotos dos outros dois carros, deduzimos que o ponto de partida também foi o Outlander – o crossover é nada mais que uma versão mais baixa e larga do SUV, no fim das contas. Para fazer o sedã, bastou modificar a traseira.

2016_Weltmeister_05 1-1611231A55c34

A WM Motors também mostrou imagens de uma minivan elétrica que segue a mesma identidade visual dos outros três veículos. Não conseguimos identificar exatamente qual foi o veículo que serviu como base, mas enxergamos traços da atual Opel Zafira – especialmente pelo formato da área envidraçada e da linha de cintura.

Weltmeister opel_zafira_18

De acordo com a WM Motors, os automóveis foram desenhados por Sam Sun, o chefe de seu departamento de design, que já teria trabalhado para Volkswagen e Bentley. Por mais que sejam linhas originais, o modo como elas foram aplicadas acaba com qualquer credibilidade.

Não é incomum que fabricantes de automóveis utilizem projeções virtuais para divulgar novos modelos – afinal, na maioria dos casos a produção sequer começou. Só que estas projeções costumam ser feitas zero, e não partindo de fotos de carros de outras fabricantes, como fez a WM Motors.

Por outro lado, também não é incomum que os chineses copiem as linhas de outros carros. O que aconteceu aqui foi, no fim das contas, uma variação deste hábito.

Matérias relacionadas

24 coisas que você não sabia (ou não lembrava) sobre as 24 Horas de Le Mans

Dalmo Hernandes

Esse cara usa sua Ferrari F50 todos os dias – e agora a gente quer ser como ele!

Dalmo Hernandes

3.000 cv e 550 km/h: este é o carro elétrico mais rápido e mais potente do mundo

Leonardo Contesini