FlatOut!
Image default
Car Culture Carros Antigos

O mistério da concessionária BMW que ficou abandonada por quase 30 anos

Histórias de concessionárias fantasma sempre mexem com a imaginação de qualquer entusiasta. Lembra daquela revenda Volkswagen abandonada em Estrela, no Rio Grande do Sul? Hoje, vamos contar a história de um caso parecido. Desta vez, uma concessionária BMW de Ontario, no Canadá, que ficou abandonada por exatos 26 anos.

O nome da concessionária era Citation Motors, e seu showroom fica em Oakville, Ontario. Quer dizer, foi lá que a concessionária funcionou até 1988, quando seu proprietário, um rico empresário da região, teve sua concessão revogada pela companhia bávara. O motivo jamais veio à tona, mas não impediu o dono de mudar-se para Toronto. Lá, ele abriu outra concessionária, chamada Downtown BMW, que fechou as portas em 2002.

bmw-dealer-8

Esta história poderia ter acabado aqui caso o dono tivesse simplesmente fechado as portas e transferido tudo o que havia na Citation Motors para o outro prédio em Toronto. Não seria difícil — uma ou duas cegonhas provavelmente dariam conta dos carros, enquanto os equipamentos poderiam ser vendidos junto com o prédio. Mas não foi isto o que ele fez.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Provavelmente o dono era alguém montado na grana, pois ele se deu ao luxo de simplesmente trancar o local e deixar tudo como estava. Por um quarto de século.

Que tipo de pessoa faz uma coisa dessas? Talvez o tipo que ame demais os carros para vê-los ir embora. Claro, ele poderia tê-los levado consigo, mas preferiu deixá-los para trás. Não cabe a nós encontrar sentido nisso, e muito menos julgar. Só sabemos que foi assim. A única coisa certa é que faríamos diferente dele.

bmw-dealer (17)

O fato é que tudo o que aconteceu entre 1988 e os últimos quatro anos é um mistério. Há alguns anos, porém, o caso veio à tona, aos poucos, e até hoje não foi totalmente esclarecido — ainda que possa ser considerado encerrado, porque a concessionária não está mais lá. Só o prédio, aparentemente, com outra concessionária no lugar. Mas nós já vamos chegar lá.

bmw-dealer (18)

Primeiro, vamos ao que sabemos: em setembro de 2006, um dos membros do fórum Maxbimmer.com contou que morava em Oaksville e sempre quis saber qual era a história daquele prédio. Através das enormes vitrines era possível ver dois BMW Série 3 E30, um cupê e um sedã, e um Série 6 E24, além de todo o material de escritório e mobília da concessionária, mas o lugar parecia abandonado havia muito tempo. Sabendo que o fórum era frequentado por funcionários da BMW, especialistas e fãs da marca, ele tinha a esperança de que alguém pudesse lhe dar uma luz.

bmw-dealer (16)

Deu certo: em pouco tempo, vários outros usuários começaram a reunir as informações que tinham a fim de dar corpo à história. Foi assim que chegaram à versão que contamos no início deste texto mas, obviamente, não parou por aí.

Como aconteceu com a concessionária sulista aqui no Brasil, não demorou para que o local começasse a ser frequentado por alguns dos entusiastas do fórum, curiosos para ver se conseguiam tirar algumas fotos e babar nos carros. Alguns chegaram a combinar visitas em grupo, e foi assim que eles descobriram que, de tempos em tempos, o dono aparecia em seu Série 5 E28 para dar uma olhada nos carros e tirar a poeira deles.

bmw-dealer (22)

Alguns diziam conhecer alguém que foi até lá e falou com o proprietário, outros diziam ter visto o homem, e alguns chegaram a dizer que ele pedia pelos carros o mesmo preço de tabela de quando eram novos. Um deles revelou o primeiro nome do proprietário: Helmut.

Ao vasculhar pelas 16 páginas do tópico, é possível ver um punhado de fotos, mas a maioria delas tem qualidade sofrível. No entanto, um dos usuários (que assina como “WhadUpp”), teve a manha de capturar algumas imagens muito boas. A maioria das fotos que ilustram este post são dele.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Outro usuário, “M3ti Compact”, conseguiu conversar com o dono em uma de suas visitas. Segundo ele, Helmut perguntou o que ele e seus amigos faziam ali. Quando soube que era para tirar fotos, disse que não via problemas. Apenas pediu para que o fizessem outro dia, quando os carros estivessem limpos.

Mas a descoberta mais incrível era que havia mais um carro na garagem dos fundos: um BMW 635CSi E24 preto, novinho em folha, com apenas 6.000 km rodados. O carro branco das fotos também é um 635CSi — topo de linha da marca nos anos 70, equipado com um seis-em-linha de 3,5 litros e 218 cv.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Tudo isto foi descoberto naquele setembro de 2006. Então, o tópico ficou abandonado por alguns anos (é assim que as coisas funcionam em fóruns da internet). Em 2011, a história foi descoberta pela mídia e começou a ser publicada em diversos sites automotivos. Contudo, ninguém soube de mais notícias sobre a Citation Motors. Até que, em 2014, o membro do fórum “_JohnnyD_” postou a foto abaixo, e disse acreditar que, finalmente, o lugar havia sido vendido.

bmw-dealer (23)

E havia. Meses depois, no mesmo prédio, era inaugurada a Clarkson Fine Cars — que provavelmente não pertence a Jeremy Clarkson, mas a julgar pela imagem abaixo retirada do Google Street View e capturada em maio deste ano, o negócio vai bem. Você pode acessar o mapa neste link.

maps-

O que aconteceu com os carros? Foram todos vendidos — o 635CSi, por US$ 80 mil, ou R$ 278 mil em conversão direta. Nos resta torcer para que os BMW clássicos tenham ido parar em boas mãos.

 

 

Matérias relacionadas

Este Citroën 2CV viajou 25.000 km para assistir à Copa do Mundo no Brasil

Dalmo Hernandes

O Renault Clio mais potente da Argentina é um bólido de rali com 285 cv e motor… Honda!

Dalmo Hernandes

Este cara rodou 1.160.000 km com seu Porsche 911 Turbo comprado zero-quilômetro em 1976

Dalmo Hernandes