A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Zero a 300

O novo Mercedes E63 AMG em ação, Nissan Sentra e Peugeot 408 de cara nova, Lamborghini terá motores turbo e mais!

Este é o Zero a 300, nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo, caro car lover. Assim você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere com a gente!

 

Novo Mercedes-AMG E63 é flagrado andando forte em Nürburgring

Há alguns dias vimos que o novo Mercedes-Benz Classe E (W213) já está praticamente pronto para o lançamento, algo que deve acontecer em janeiro, no Salão de Detroit. Enquanto isso, sua versão esportiva parece ainda estar na metade do caminho, passando por testes de desenvolvimento em Nürburgring vestindo camuflagem completa.

Apesar de não mostrar muito suas linhas, podemos ouvir o potencial do motor V8 turbo e ver a capacidade do carro em dobrar o Inferno Verde. Diferentemente do que se pensava inicialmente, o E63 deverá trocar o atual 5.5 biturbo pelo novo V8 4.0, que estreou ano passado no AMG GT em uma versão de cárter seco, e também equipa o C63 AMG e o G500. Mas não pense que ele terá números semelhantes aos irmãos menores — pelo contrário: o V8 M176 terá sua variação mais potente no cofre do E63 S. Atualmente o motor produz 510 cv no C63 e no AMG GT, mas segundo a imprensa europeia, a potência será elevada para algo em torno de 600 cv — potência do BMW M5 60 Jahre, e 15 cv acima do antigo 5.5 biturbo.

O novo E63 também poderá ser equipado exclusivamente com o sistema de tração integral 4Matic — o chefe da AMG, Tobias Moers, disse há alguns meses que a divisão poderia parar de fazer o modelo de tração traseira, já que ele é menos procurado atualmente. Além disso, os testes da AMG mostraram que o modelo novo será mais rápido com tração integral do que somente com tração traseira. Outra possibilidade é que o E63 AMG ganhe uma versão cupê e outra conversível — que não existiram na geração atual (W212).

 

Nissan Sentra ganha cara nova

2016_nissan_sentra_07

A Nissan revelou nos Salão de Los Angeles a reestilização do sedã Sentra. O modelo ganhou uma nova dianteira inspirada pelo Maxima com linhas mais ousadas e atraentes para um público mais jovem. Os faróis agora têm a forma de bumerangue adotada na atual linguagem de design da marca, há uma nova grade e um novo para-choque, com tomadas de ar maiores e luzes diurnas de LED.

 

Na traseira, as mudanças foram mais sutis: o para-choque foi redesenhado e as lanternas ganharam um novo desenho interno e LED. O interior continua praticamente o mesmo, recebendo apenas um volante mais moderno e novos materiais de acabamento. Nos EUA, as versões topo de linha serão equipadas com sistema de frenagem de emergência, alerta de pontos cegos e piloto automático adaptativo. A motorização não muda: lá fora ele continua com o 1.8 de 130 cv. No Brasil, a reestilização deve chegar no próximo ano, e deverá manter o motor 2.0 de 140 cv e o câmbio CVT.

 

Lamborghini Urus poderá ser o primeiro modelo turbo da marca

Lamborghini-Urus-Concept-6

No ano passado o CEO da Lamborghini, Stephan Winkelmann, disse que ainda há muito potencial a ser extraído dos motores aspirados antes de recorrer à sobrealimentação. A declaração foi um alívio para os fãs mais puristas da marca e é por isso que o Aventador e o Huracán ainda são movidos por motores aspirados. Um recurso adotado para que eles se encaixem nos limites de emissões é a desativação de cilindros, recurso presente tanto no V10 quanto no V12.

Mas os planos para o futuro da marca, que incluem o aumento da produção e o lançamento do SUV Urus, indicam que a fabricante terá que ir além da desativação de cilindros para se manter dentro das leis de emissões. E esse passo adiante será a adoção de motores turbo. Segundo Stephan Winkelmann em entrevista à Road & Track, “o SUV pode certamente ser uma das oportunidades de ter um motor turbo”. O CEO, contudo, fez questão de afastar esse cálice dos esportivos: “Para os esportivos hoje tendemos a dizer que não há motor melhor que um aspirado”.

 

Peugeot 408 também ganhou cara nova no Brasil

peugeot_408_media-0682

No começo do mês a Peugeot mostrou o hatch 308 reestilizado, com uma nova dianteira inspirada no visual da nova geração do 308 europeu. Antes disso já havíamos recebido um flagra com o 408 igualmente reestilizado, mas por algum motivo a fabricante francesa decidiu lançar os dois modelos separadamente. Agora, a Peugeot finalmente revelou o facelift do 408 no Brasil.

Tal como o hatch, as mudanças mais significativas estão na dianteira — que adotou grade e farois bastante semelhantes aos da nova geração do 308 vendido na Europa. A traseira também mudou, porém mais sutilmente: as lanternas têm novo desenho interno e LEDs. Já o interior permanece o mesmo, somente o volante é novo.

peugeot_408_media-0710

O 408 será oferecido em apenas duas versões: Allure e Griffe. A primeira, de entrada, usa o motor 2.0 16v Flex de 151 cv a 6.000 rpm e 22 mkgf a 4.000 rpm, combinado ao câmbio  automático de seis marchas. Por R$ 76.000 ele é equipado com seis airbags, controle de estabilidade, sensor de estacionamento traseiro, ar-condicionado de duas zonas, sensores de chuva e de luminosidade, cruise control, bancos de couro com tecido, rodas de 17 polegadas, volante de couro e sistema multimídia com touchscreen de sete polegadas.

peugeot_408_media-0605

A versão Griffe usa o motor 1.6 THP de 173 cv a 6.000 rpm e 24,5 mkgf de torque a partir de 1.400 rpm. Por R$ 87.000 ele tem todos os equipamentos da Allure e acrescenta à lista sensor de estacionamento dianteiro, câmera de ré, teto solar, bancos de couro e rodas de 17 polegadas com acabamento exclusivo. As duas versões têm três anos de garantia.

 

Novo Passat já começa a ser anunciado no Brasil

Captura de Tela 2015-11-19 às 12.14.58

Enquanto os americanos ganharam uma versão modificada da geração anterior do Passat, a Volkswagen irá vender no Brasil o modelo alemão, baseado em uma nova plataforma e com visual mais moderno. A chegada está prevista para o fim deste mês de novembro, e a Volkswagen já começou a divulgar o lançamento com um hotsite, onde os interessados podem cadastrar seu email para receber as novidades.

volkswagen_passat_30

A perua Variant também deverá ser vendida por aqui ao lado do sedã, como acontece desde 1995, quando o modelo chegou oficialmente ao Brasil. Ainda não há detalhes sobre as versões que serão trazidas, mas é provável que ele chegue somente com o motor 2.0 TSI com 220 cv e câmbio DSG.

 

Chinês é multado por levar urso de pelúcia gigante no teto do seu Lambo

1522979090133964977

Ter um supercarro de apenas dois lugares tem seus inconvenientes: onde você vai colocar seu urso de pelúcia gigante quando precisar levá-lo do ponto A ao ponto B? Esse chinês achou que fosse uma boa ideia amarrar o mamífero no teto do seu Lamborghini Gallardo — afinal, um bichinho de pelúcia não vai riscar a pintura, nem cair do carro e matar alguém.

O problema é que no meio do caminho havia uma dupla de policiais e, bem, você sabe que em nenhum lugar do mundo é permitido levar carga assim, amarrada de qualquer jeito no teto do carro. O resultado foi uma pequena multa, segundo o pessoal do Jalopnik US, e uma das fotos mais nonsense da história dos supercarros.

Matérias relacionadas

Toyota já divulga novo Corolla no Brasil, uma picape Tesla feita em casa, Aston quer recorde em Nürburgring e mais!

Um raro Uno 1.6R 1990 com frente alta e painel digital do Uno Turbo Europeu: FlatOut Midnight!

Juliano Barata

A volta da Puma, multas para ultrapassagens irregulares ficarão mais caras, Jetta 1.4 Turbo é visto no Brasil e mais!

Leonardo Contesini