A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Project Cars Project Cars #71

Peugeot 306 Rallye: os últimos detalhes da preparação do Project Cars #71

Fala, galera! Tudo certo? Infelizmente, esta é a última parte do meu Project Car. Mas tudo bem, é justo liberar o espaço para outro fanático mostrar seu projeto aqui, né? Além disso, tenho outro Project Car, meu carro de uso diário que, se passar pelo crivo de vocês na próxima leva de vagas, estará aqui também, e vou precisar me dedicar porque esse eu fiz por completo na garagem de casa, ou seja: vai ser longo e detalhado!

 

Resumo rápido do T06!

FlatOut 2015-07-19 às 12.31.16

Quando comprei foi pelo tesão de moleque de ter um carro que competia e vencia no WRC e em outras categorias, carros que eram levados ao limite e sempre surpreendiam, e que traziam um pouco dessa esportividade de competição para a rua. A ideia de manter a originalidade era uma premissa, até porque era meu daily car.

 

Swap? Nem pensar!

Mas o mundo dá voltas e a ocasião faz o loucão, né? Swap realizado (como vocês acompanharam), metas pro projeto foram traçadas e, graças a Deus, hoje já está bem perto do que eu almejei assim que a ideia do swap passou pela minha cabeça.

Quero um carro confiável, forte, e principalmente exclusivo, que leve minha personalidade e gosto. Todos os detalhes estéticos têm a minha mão, seja na ideia ou mesmo na execução.

 

E aí, funcionou?

Então, no ultimo post contei como foi resolver a treta que aconteceu com os comandos e como escolhi os comandos e as ITBs pra fechar o conjunto, mas na hora H pulei fora. Foi mal! Mas vamos lá, agora, continuar a história e mostrar o resultado.

foto3

Sim, deu certo a combinação dos comandos + as borboletas individuais! Certo demais eu diria!

A lenta ficou ótima, ao contrário do que eu pensava, por conta da agressividade dos comandos, no momento está em 1100~1200rpm. A dirigibilidade em baixa também melhorou muito em relação ao setup anterior, posso andar de quarta ou quinta a menos de 3.000 rpm sem o carro ficar dando aquelas cabeçadas.

Vamos aos fatos e dados de uma vez! Bom, não tivemos problemas em ligar o carro e nem em acertar a injeção para o novo setup.

Seu Jadir fez um trabalho de primeira com a flange e a adaptação as borboletas no novo coletor, mantivemos apenas o TPS (no post anterior citei MAP, mas na verdade é TPS), o restante dos sensores de TBI e admissão tínhamos antes foi embora.

O resultado no dinamômetro foi dentro do que eu esperava, já tinha comentado em post anterior que esse assunto para mim é polêmico demais, então vou postar o gráfico e cada um tira sua conclusão. A linha mais escura é o acerto com o setup anterior e a mais clara é com o novo setup.

foto4

Carro pronto, acerto pronto, era hora de ir buscar o bicho e claro, fazer o primeiro test drive! Bom, a sensação foi indescritível mesmo já tendo dirigido o carro inúmeras vezes. A pegada em todas as faixas ficou demais, a pancada entre as trocas ficou grosseira!

 

Agora acabou né?!

Jamais! Agora é que vai começar a brincadeira legal jóvis!

foto5

Assim, não houve tempo pra fazer todos os detalhes que eu queria na JJ, então trouxe o carro do jeito que estava mesmo, só funcionando 100% mecanicamente, e o que faltava eu mesmo me encarreguei de fazer, e bem feliz por isso diga-se de passagem!

A lista:

– as cornetas para as borboletas;

– o tunnel ram para indução de ar;

– os filtros individuais para cada borboleta;

Beleza, vamos ao que interessa:

Pesquisei muito sobre as cornetas, e principalmente se eu conseguiria comprar elas já prontas, mas não tive muito sucesso. Então usei meus dotes de mexânico e eu mesmo desenhei a peça, depois de muita procura achei um cara que topou fazer pra mim, em alumínio e não é que ficou bom?

foto6

Mantive a medida interna para não ter variação no fluxo de entrada de ar, e por isso fiz o encaixe externo. Num primeiro momento queria a angulação da boca bem aberta, mas como queria um tunnel ram e como o diâmetro é bem grande da borboleta, não me preocupei com isso. O resultado está ai, espero que curtam!

foto7

Vamos ao tunnel ram, esse foi legal e tenso ao mesmo tempo de fazer. Bom, esse posso dizer que tirei todo da minha pequena cabeça careca, o material, o desenho, a posição e principalmente como eu iria aplicar isso.

Comecei aprendendo a mexer com fibra de vidro, modelação e tudo mais, para conseguir meter a cara nisso. Fiz o molde em papelão para ter ideia de como ficaria a posição, passei a primeira camada de fibra e ao invés as outras camadas, eu montei o corpo do tunnel com uma camada de thermotape para assim conseguir manter a temperatura ideal na admissão.

DCIM100MEDIA

Conforme foi tomando forma, usei massa plástica para dar o acabamento liso por cima, e assim também ter ganho no fluxo, dar velocidade a massa de ar admitida.

foto9DCIM100MEDIA

Para auxiliar no fluxo admitido usei uma técnica que muitos usam, principalmente lá fora, que é ter furos na mini frente do carro, no caso do 306 também é fiz no óculos seguindo o posicionamento do tunnel ram. Eles ajudam não só que o ar entre mais diretamente na admissão, mas também ajuda a desviar detritos e a chuva por exemplo.

foto11DCIM100MEDIA

Pra dar o acabamento final pintei a parte superior de preto brilhante e cobri toda a parte inferior com Reflect A Gold, também para ajudar na temperatura, e pus o sensor de temperatura de admissão bem no meio da peça e ficou perfeito, pro meu gosto claro.

foto13 DCIM100MEDIA foto15

Os filtros foi outro problema, pessoal mais indicado foi da Inflow, pois eles fazem sob medida. Fiz o pedido e solicitei eles mais genéricos, de uma forma que facilitasse mais o meu trabalho pois sabia que a distância dificilmente sairia como eu queria.

Desmontei um por um, cortei no comprimento que eu precisava, refiz o acabamento da borda para não estragar as cornetas e usei um esquema para elas ficarem presas nas cornetas, costurei uma borracha internamente pra não ficar feio o acabamento.

foto16 foto17

 

Blablablabla mas e o vídeo?

Então, feito isso o carro estava pronto para ir pra pista, o fatídico momento de testar o carro no trackday finalmente! Precisava trocar o fluido de freio, quero usar o Pentosin Racing, que é a melhor opção no momento, mas não deu tempo, então fui assim mesmo!

Resumo rápido: posicionei a câmera da melhor maneira que eu consegui, pois estava pilhado demais hahaha então ficou uma M. deu reflexo do parabrisa, tremeu muito na reta, etc. Mas é o que temos, dei as primeiras voltas com a minha noiva e as ultimas com um amigo. Tenho carteira de piloto profissional, pela CBA, sei o que errei ali haha então não se preocupem com isso. Eu não fui agressivo tanto quanto gostaria, principalmente por ser a primeira vez na pista com meu próprio carro e também porque a suspensão dianteira me decepcionou e é um ponto a melhorar agora. O resto vocês conferem no vídeo:

 

Au revoir? Não: Até breve, jovens!

Foto18

Foto: Bacon Foto

Então é isso galera, espero que tenham curtido minha saga com o carro, cada detalhe que implementei nele e cada informação que compartilhei aqui com vocês, mas espero ainda mais conseguir incentivar, nem que seja um só, a meter a cara e tirar o projeto do papel, porque basta querer que você consegue sim realizar, é só não desviar o foco do alvo.

Agora quero aproveitar mais o carro, por ele mais vezes na pista e ter sempre ele na minha garagem, continuar a mexer nele do jeito que as coisas forem permitindo, vocês sabem como é isso né? Nunca para e nunca tem fim.

Tenho outro brinquedo aqui que quero mostrar aqui no Project Cars também, na próxima vez que abrirem vagas eu inscrevo eles e se passar pelo crivo de vocês, conto todos os detalhes todos, esse é um pouco mais interessante no sentido da história porque eu fiz ele por completo na garagem de casa, então será interessante!

DCIM100MEDIA

Queria agradecer a galera do FlatOut, principalmente o Barata pela oportunidade e pela força, a galera toda que me ajudou de alguma forma a chegar até aqui com o carro, minha noiva claro que aguentou todos os perrengues junto comigo, pra minha mãe, pro meu pai e especialmente pra você, Xuxa!

Peugeot306Turipedes

Abraços galera!

Por Eurípedes Marley, Project Cars #71

0pcdisclaimer2

 

Uma mensagem do FlatOut!

Eurípedes, o FlatOut que agradece, sempre, pelo interesse em participar e em compartilhar essa experiência com nossos leitores. Também damos nossos parabéns pela conclusão de um dos projetos mais legais (e, por que não, ousados?) que já vimos com um Peugeot 306. Agora é só curtir a nova fúria do felino. Parabéns!

Matérias relacionadas

Project Cars #213: a história do meu Citroën C4 VTR preparado e personalizado

Leonardo Contesini

BMW 850i: as alegrias, as frustrações e os próximos passos do meu Project Cars #09

Leonardo Contesini

Construindo um Shelby Cobra na garagem: o revestimento do chassi e o novo sistema de escape

Leonardo Contesini
error: Direitos autorais reservados