A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Zero a 300

Placas do Mercosul continuam a ser instaladas apesar da suspensão, o “recorde” do Mercedes-AMG GT 63 S em Nürburgring, BMW X3 ganha nova versão de entrada no Brasil e mais!

Este é o Zero a 300, nossa rica mistura das principais notícias automotivas (ou não) do Brasil e de todo o mundo, caro car lover. Assim, você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere com a gente!

Ainda não é assinante do FlatOut? Considere fazê-lo: além de nos ajudar a manter o site e o nosso canal funcionando, você terá acesso a uma série de matérias exclusivas para assinantes – como conteúdos técnicoshistórias de carros e pilotosavaliações e muito mais!

 

FLATOUTER

Membro especial, com todos os benefícios: acesso livre a todo o conteúdo do FlatOut, participação no grupo secreto no Facebook (fique próximo de nossa equipe!), descontos em nossa loja, oficinas e lojas parceiras!

A partir de

R$20,00 / mês

ASSINANTE

Plano feito na medida para quem quer acessar livremente todo o conteúdo do FlatOut, incluindo vídeos exclusivos para assinantes e FlatOuters.*

De R$14,90

por R$9,90 / mês

*Não há convite para participar do grupo secreto do FlatOut nem há descontos em nossa loja ou em parceiros.

 

Placas do Mercosul continuam a ser instaladas apesar da suspensão

xdetran-ve-corrida-para-trocar-placas-de-veiculos-pelo-modelo-mercosul.jpg.pagespeed.ic.3OAnfWw5ia

 

A liminar que suspendeu a substituição das placas do Mercosul foi acatada pelo Contran nesta semana e deveria ter interromper a instalação das novas placas nos lugares onde ela já foi adotada, caso do Rio de Janeiro. Contudo, segundo reportagem do portal G1, o Detran-RJ consultou o Denatran para saber como proceder diante da suspensão e a resposta, aparentemente, é continuar os emplacamentos normalmente.

A orientação se baseia no fato de o Detran do Rio de Janeiro precisar suspender o emplacamento para voltar a adotar o sistema antigo. A liminar não determinou se as placas antigas devem voltar a ser usadas durante a suspensão. Diante disso, o Detran do RJ continua fazendo a substituição.

Sobre a suspensão, a Advocacia Geral da União entrou com um recurso contestando a suspensão, afirmando que, diferentemente do argumentado na liminar, o sistema das placas já está pronto e implementado e que os Detrans de cada estado não questionaram o credenciamento.

Mercedes AMG GT 63 S completa Nürburgring Nordschleife em 7:25

O Mercedes AMG GT R é um dos dez carros mais rápidos ao redor de Nürburgring Nordschleife, com um tempo de volta de 7:10,92. Recentemente ele ganhou uma variação de quatro portas, o AMG GT 4 Door Coupe, equipado com o mesmo V8 biturbo de quatro litros, porém com 639 cv em vez dos 585 da versão cupê. Claro, ele também é mais pesado — são 1.630 kg do cupê contra 2.045 kg do sedã —, o que significa que o GT 4 Door Coupe tem uma relação peso/potência pouco mais desfavorável. Mas… o quanto isso afeta sua capacidade de contornar o traçado norte de Nürburgring?

A própria Mercedes-AMG respondeu esta pergunta, levando o AMG GT 63 S ao Inferno Verde e cronometrando sua volta. O resultado foi apenas 15 segundos mais lento que o GT R: 7:25,41. Embora a marca não pareça impressionante nesta época de carros sub-6 em Nür, quando colocamos em contexto o tempo deste sedã de mais de 2 toneladas as coisas ficam mais claras. Para se ter uma ideia, 7:25 foi o tempo do antecessor do GT R, o SLS AMG Black Series, e da Ferrari Enzo. O Lamborghini Aventador básico, de 700 cv, também precisou dos mesmos 7:25, e o primeiro recorde do Viper ACR foi de 7:22. Nessa faixa também gravita o Pagani Zonda F Clubsport, que nas mãos de diferentes jornalistas e pilotos cravou tempos de 7:24,44 e 7:27,82.

Com este tempo, a Mercedes alega ter quebrado um recorde em Nür, se autoproclamando o carro de quatro lugares mais rápido do circuito. Este recorde, em tese, seria do Jaguar XF Project 8, que atualmente é o sedã mais rápido de Nür, porém o modelo tem um pacote opcional que remove o banco traseiro para instalação da gaiola de proteção, o que faz dele, na prática, um carro de dois lugares.

 

BMW X3 ganha nova versão de entrada no Brasil

p90327959-highres-bmw-x3-xdrive20i-x-l

Depois do X2, agora é a vez do BMW X3 ganhar uma nova versão de entrada no Brasil: o X3 xDrive20i X Line, que adota uma configuração menos potente do motor 2.0 turbo e agora parte de R$ 276.950.

Nesta versão xDrive20i o motor 2.0 turbo produz 184 cv em vez dos 252 cv da versão xDrive30i, mas continua acoplado ao câmbio automático de oito marchas e às quatro rodas. Apesar da redução na potência, o desempenho ainda é satisfatório para um SUV de seu porte, com aceleração de zero a 100 km/h feita em 8,3 segundos.

O pacote de equipamentos também é mais modesto, limitando-se aos sensores de estacionamento dianteiros e traseiros, câmera de ré, sistema multimídia, airbags laterais e de cortina e sistema start-stop. O seletor de modos de condução continua oferecido, com os modos Comfort, Eco-Pro e Sport.

As duas outras versões oferecidas no Brasil desde a chegada do modelo seguem disponíveis. A xDrive30i X-Line usa a versão de 252 cv do motor 2.0 turbo, como dissemos anteriormente, e custa R$ 310.000, enquanto a versão de topo, a X3 M40i parte de R$ 398.000 e adota o 3.0 turbo de seis cilindros em linha com 360 cv.

 

Pirelli divulga preview do GP do México de F1

0

Mais um final de semana de Fórmula 1, mais um preview da Pirelli sobre os pneus e as características da pista e estratégias dos pilotos. Desta vez a seleção de pneus é formada pelo hipermacio, o ultramacio e supermacio, escolha feita visando aumentar a velocidade em uma pista já rápida e uma quebra de recordes de tempos, uma vez que na edição passada os compostos são dois níveis mais macios neste ano.

unnamed-1 unnamed

Quanto às características da pista, sua superfície é lisa e escorregadia, o que colabora para manter os pneus com baixo desgaste e degradação. Já sobre a estratégia de troca de pneus, é preciso levar em consideração que a pit lane é a mais longa do calendário, o que aumenta o tempo de parada nos boxes. Por isso, a Pirelli acredita que as equipes farão apenas uma parada — que foi a estratégia do vencedor da última edição, Max Verstappen.

Sobre o circuito, por ter um traçado à moda antiga, ele tem uma grande variedade de curvas e trechos com velocidades diferentes: incluindo duas retas rápidas e uma parte lenta e sinuosa. Por estar localizado na maior altitude do ano, os carros geram menos pressão aerodinâmica e, por isso, dependem muito mais da aderência dos pneus.

0-1

“A escolha dos compostos para o México é efetivamente a mesma que faríamos para um circuito de rua, então esperamos que as equipes acompanhem de perto o desgaste e degradação dos pneus para que seja possível fazer uma única parada na prova. Isso é especialmente importante tendo em vista que o tempo de parada neste circuito é bem alto. O clima será outro fator importante. No passado, vimos uma grande variedade de condições climáticas no México nesta época do ano. Além disso, é uma pista que, tradicionalmente, gera incidentes com mais de 60% de probabilidade de ter a entrada do safety car. Por isso, é importante manter alguma flexibilidade na estratégia”. – Mario Isola, gerente mundial de Motorsport da Pirelli:

 

Alpina lança edição especial do M4

03baab61-bmw_alpina_b4_s_edition_99_01

A Alpina acaba de revelar mais uma edição limitada de seus esportivos baseados nos BMW. Ah sim, caso você não saiba ou não lembre, a Alpina é classificada pela legislação alemã como uma fabricante por comprar os monoblocos novos sem numeração e atribuir seu próprio VIN a eles. Batizado B4 S Bi-turbo Edition 99, o modelo é baseado no M4 e, como seu nome sugere, é limitado a 99 exemplares nas versões cupê e conversível.

74f5d277-bmw_alpina_b4_s_edition_99_04

O motor é o mesmo 3.0 biturbo de seis cilindros em linha do M4, porém equipado com um novo escape Akrapovic de titânio feito exclusivamente para esta Edition 99. Embora a potência continue a mesma, 452 cv, o escape é 7 kg mais leve que o original. A única opção de transmissão é o câmbio automático de oito marchas, porém o cupê pode ser equipado com tração nas quatro rodas e as duas versões vêm com diferencial de deslizamento limitado.

1a8a4864-bmw_alpina_b4_s_edition_99_02

Segundo a Alpina, a versão AWD é capaz de acelerar de zero a 100 km/h em 3,9 segundos, enquanto a versão de tração traseira precisa de 4,2 segundos. A velocidade máxima é 303 km/h com as quatro rodas motrizes, e 306 km/h com tração traseira.

aa1f3b47-bmw_alpina_b4_s_edition_99_08

Por dentro, o Edition 99 recebe aletas para troca de marchas feitas de alumínio usinado com acabamento fosco. Seguindo a tradição da Alpina, o interior ainda recebe um acabamento completamente novo, usando materiais como alcantara e couro costurados à mão.

7348128b-bmw_alpina_b4_s_edition_99_06 21ec7d74-bmw_alpina_b4_s_edition_99_10 e60752f6-bmw_alpina_b4_s_edition_99_12

Por fora ele pode ser pintado nas cores Grigio Medio (cinza) e Fire Orange (laranja) com elementos de destaque pintados de preto brilhante. As rodas Alpina Classic têm 20 polegadas e são pintadas de Ferric Grey (cinza), podendo ser pintadas de preto fosco ou azul fosco opcionalmente. Os preços começam em 74.705 euros para o cupê e 91.555 euros para o conversível.

 

McLaren lança Speedtail, o sucessor do F1

44759243_2172655873008618_6768087629146619904_n 44827999_2172655936341945_844217723729739776_o 44750561_2172655899675282_3969155170029273088_n

Você não achou que eu ia terminar o Zero a 300 sem mencionar o Speedtail, achou? Nesta tarde teremos um post com todos os detalhes do modelo (pode conectar por volta das 16h que ele estará no ar!). Enquanto isso, fique com as primeiras imagens deste supercarro de 1.035 cv e 403 km/h.

Matérias relacionadas

Great news: estes são os cinco lançamentos do FlatOut Official Gear!

Juliano Barata

Este Peugeot 205 de subida de montanha já foi mula de testes da Fórmula 1

Dalmo Hernandes

Mercedes GLE ganha nova geração, novo Jetta chega na semana que vem, Ducati Supersport S está a venda no Brasil e mais!

Leonardo Contesini
error: Direitos autorais reservados