A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Zero a 300

Preço médio da gasolina passa dos R$ 4, o novo logotipo da Fórmula 1, Fiat Cronos vaza antes do lançamento e mais!

Este é o Zero a 300, nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo, caro car lover. Assim você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere com a gente!

 

Fórmula 1 revela seu novo logotipo e elimina as barbatanas para 2018

DPkTWJYX0AAMvEV-725x500

Quando os americanos da Liberty Media fecharam o acordo com Bernie Ecclestone para assumir a Fórmula 1, eles prometeram (e o mundo esperava) uma série de mudanças que tornariam e Fórmula 1 mais acessível e atraente. E isso aparentemente inclui até mesmo a mudança do logotipo da categoria, que completou 23 anos neste ano.

promo335977907

O novo logotipo é mais simples e limpo que o anterior, o que dividiu a opinião do público. Segundo o diretor comercial da F1, Sean Bratches, o logotipo precisou ser atualizado pois o antigo “não era útil para plataformas digitais e merchandising”, e que a simplificação do logotipo permite “aproveitar melhor o espaço digital”. A defesa criativa foi explicada pela diretora de marketing da F1, Ellie Norman: “O logotipo é inspirado em dois carros disputando a ponta, cruzando a linha de chegada. É ousado e simples […] com mais flexibilidade e versatilidade”. Além do novo logotipo, os gráficos exibidos durante a transmissão também serão revistos, com um novo design. Tudo será apresentado a partir da primeira etapa da próxima temporada, o GP da Austrália de 2018.

3DC24C3400000578-0-image-a-3_1488216735001

 

Lá também veremos as duas principais novidades nos carros: o halo protetor do cockpit e o fim das barbatanas sobre a cobertura do motor. A permanência do elemento aerodinâmico foi discutida ao longo deste mês pelo Grupo de Estratégia da F1 e a decisão final é de que a barbatana será descartada para 2018.

A mudança afeta o desenvolvimento dos carros da próxima temporada, que já havia começado na maioria das equipes, e levou em consideração que a barbatana continuaria como elemento obrigatório. Com isso, o projeto aerodinâmico da traseira dos carros precisará ser totalmente revisto.

 

Fiat Cronos vaza na internet antes do lançamento

24068393_1528046157278195_1209329790304572002_o

O lançamento do Fiat Cronos estava previsto para acontecer somente na noite desta segunda-feira (27), mas você sabe como são as coisas hoje em dia. Eles sempre acabam revelados antes da hora. Com o Argo foi assim e com o Cronos não seria diferente.

23905599_1528045600611584_292754055520809630_n

As primeiras imagens do modelo foram divulgadas pela fanpage Ferd, no Facebook, e mostram que o sedã traz muito do estilo do Tipo Sedan, como o vinco demarcado na lateral, a silhueta da área envidraçada lateral e, claro, a dianteira do carro. Na traseira as lanternas são compostas por duas peças, sendo a externa muito semelhante à do Argo.

24059360_1528046783944799_2381560976628713119_o

Os motores serão confirmados mais tarde pela Fiat, mas é quase certo que eles serão o 1.3 FireFly e o 1.8 16v e.Torq (e-torq? etorq? etor.q?) combinados ao câmbio GSR e manual de cinco marchas ou automático de seis marchas.

 

Fernando Alonso cria equipe de eSports

Outro anúncio realizado neste final de semana em Abu Dhabi foi o da nova equipe de Fernando Alonso: a FA Racing G2 Logitech. Obviamente não se trata de uma equipe de F1, mas de eSports – que é o nome criado para competições de jogos de video-games e simuladores.Sim: depois do programa GT Academy da Nissan em parceria com o game Gran Turismo e, mais recentemente, o campeonato de Gran Turismo Sport sancionado pela FIA, as corridas virtuais (e outros games) passaram a ser consideradas uma forma de esporte, e Fernando Alonso (que já tem uma academia kart) quer explorar o potencial da modalidade.

“É muito empolgante e é algo completamente novo para se descobrir. Acho que eSports em outros formatos vêm sendo muito bem sucedidos, mas no automobilismo acho que estamos ainda no início e haverá um enorme potencial”, disse o espanhol durante a apresentação da equipe. “Fico feliz por ser um dos primeiros a investir nesta direção, e acho que vamos nos divertir nos próximos anos — não apenas nós pilotos, mas também os gamers em casa e os fãs.”

 

Ford Fiesta Sedan pode sair de linha

ford-fiesta-sedan-wallpaper-4

Se você não notou a ausência do Fiesta Sedan no anúncio do facelift do modelo, não se preocupe. Você não foi o único. A versão de três volumes do Fiesta não é das mais procuradas nas lojas, e chegou até mesmo a ter sua importação interrompida temporariamente há alguns meses. Mas desta vez a ausência do modelo no anúncio do facelift pode ser um indício de que ele deixará de ser produzido para sempre.

Some isso à notícia apurada pelo site mexicano Al Volante, de que a Ford deixará de produzir toda a linha Fiesta no México, de onde o sedã vendido no Brasil é importado. Segundo o Al Volante, o encerramento do Fiesta no México se deve à renovação da linha local da Ford, estimulada pela nova política americana de investir na produção de carros nos EUA em vez de fabricá-los no México. Com isso, a fábrica que Ford abriria para produzir o Focus no México ficará nos EUA, e a minivan C-Max, que era produzia em Michigan, terá sua produção transferida para a fábrica onde são/eram feitos o Fiesta hatch e sedã.

 

Preço médio da gasolina passa dos R$ 4

gasolina_1

O preço médio da gasolina chegou pela primeira vez aos R$4, segundo os dados divulgados pela Agência Nacional do Petróleo (ANP). Os dados divulgados pela agência na última sexta-feira revelaram que o preço médio do combustível nas bombas subiu 1,43%, passando de R$ 3,966 para R$ 4,023.

Na semana passada a Petrobras havia aumentado em 2,85% o preço da gasolina em suas refinarias para manter os preços em paridade com o mercado internacional, o que motivou o repasse que elevou o preço dos combustíveis nos postos. Além da gasolina, o diesel também passou por um reajuste e viu seu preço subir 1%, de R$ 3,268 para R$ 3,303. O aumento dos combustíveis fósseis também acaba puxando o preço do etanol para cima: a média do litro do álcool foi de R$ 2,758 para R$ 2,812.

 

Uma dupla do Grupo B a venda

1985-lancia-delta-s4-stradale-09

Não é todo dia que se encontra um carro do Grupo B a venda, quanto mais dois carros ao mesmo tempo. O primeiro é um Lancia Delta S4 Stradale 1985, que está anunciado por 500.000 euros. Como você bem sabe, trata-se da versão de rua construída para homologar o Delta S4 para o Grupo B. Ele usa um chassi tubular tipo space frame e atrás dos bancos há um motor 1.8 twin-charged, que combina turbo e um compressor de polia para reduzir o lag do turbo.

Enquanto a versão que corria no WRC tinha 500 cv, este para as ruas tem 250 cv percorrendo através de seus três diferenciais. Com esse conjunto ele vai do zero aos 100 km/h em seis segundos e chega à máxima de 225 km/h — limitado pelas relações de marcha curtas que o rali exige. O carro rodou menos de 800 km e agora está anunciado no JamesEdition.

download-35-1511539814

O outro é seu rival da Ford, o RS200 Evo, também em versão de rua. Ele será leiloado pela Bonham’s e deve ser arrematado por algo entre US$ 240.00 e US$ 320.000. É mais barato que o Lancia, mas ele também é menos raro e já foi usado em competições. Trata-se do chassi número 105 vendido pelo departamento de competição da Ford em abril de 1987 para o piloto Mikal Nordstrom, que o usou em subidas de montanha e rally-cross antes de restaurá-lo.

O motor 1.8 Cosworth BDS também teve sua potência reduzida de 500 cv para 250 cv no modelo de rua, mas graças ao seu peso ultra-leve ele ainda é capaz de chegar aos 100 km/h na casa dos seis segundos.

Matérias relacionadas

Só para as pistas: Porsche 911 GT2 RS Clubsport é a despedida matadora do 991

Dalmo Hernandes

A incrível arte de trocar um câmbio em menos de cinco minutos

Leonardo Contesini

Oktane Track Day: aceleramos no Velo Città com o Audi TTS Roadster!

Juliano Barata