A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Zero a 300

Prefeitura de SP descarta fechar faixas das marginais, a potência dos novos motores quatro-cilindros Porsche, Sandero RS no trânsito e mais!

Este é o Zero a 300, nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo, caro car lover. Assim você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere com a gente!

 

CET contradiz secretário de transportes de SP sobre fechamento das marginais

Marjilmar-redução

Apesar de o secretário municipal de transportes de São Paulo, Jilmar Tatto, ter dito que estudava fechar as vias expressas das marginais de 0h às 5h, a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) informou ontem que a medida está descartada.

Segundo a nota do órgão, o fechamento da via expressa da marginal Tietê foi avaliado em 20 de julho, antes da redução das velocidades, o que dá a ideia de que ele estudava as duas medidas de modo alternativo. Ainda de acordo com o informativo, “a CET está concentrada, exclusivamente, no monitoramento dessas novas velocidades e estão descartados futuros fechamentos”.

Em vez de se sentir desautorizado, o secretário endossou a nota e voltou atrás em suas declarações. Também por meio de nota, ele informou: “não haverá nenhum tipo de operação com o intuito de fechar trechos das pistas expressas das marginais durante a madrugada”.

 

Motores quatro-cilindros do Boxster e Cayman terão entre 240 e 370 cv

Boxster GTS

A essa altura você já deve saber que os irmãos Porsche Boxster e Cayman receberão uma nova família de motores de quatro cilindros com o facelift de meia-vida, que deve aparecer em 2016. Segundo a revista britânica “Car”, somente o Cayman GT4 e o Boxster Spyder continuarão equipados com o flat-6 de 3,8 litros. As demais versões usarão um boxer de quatro cilindros sobrealimentado por um turbo. Segundo a fonte da Car, os modelos de entrada terão 240 cv, enquanto os modelos S terão 300 cv. O GTS, mais esportivo, terá 370 cv.

Com isso, a Porsche conseguirá cobrir um espectro maior de potência. Atualmente a faixa de potência vai de 265 cv a 330 cv no Boxster, e de 275 cv a 340 cv no Cayman — desconsiderando as versões Spyder e GT4, que continuarão com o mesmo motor. Com os novos motores, a diferença de potência entre o Cayman básico e o GTS será de 130 cv.

FlatOut 2015-07-31 às 11.41.59

Acontece que o motor quatro-cilindros com esses níveis de potência divulgados pela Car, faria a versão de entrada e a S menos potentes, além de colocar a GTS perto demais da GT4/Spyder. Isso reforça a notícia, também apurada pela Car, de que o Cayman será oferecido como modelo de entrada em alguns mercados, posicionado abaixo do Boxster. Nosso palpite é que o Cayman de entrada ganhe o motor menos potente, de 240 cv, e a atual versão de entrada salte de 265/275 cv para 300 cv — com as demais versões S, GTS e GT4/Spyder ganhando um ligeiro aumento de potência.

Como a Porsche irá “distribuir” essa potência na linha Cayman/Boxster, contudo, é algo que só descobriremos em 2016, quando o facelift desta segunda geração for apresentado oficialmente.

 

Leitor flagra Sandero RS em testes finais

IMG_0045

Nossos leitores têm se mostrado segredeiros de mão cheia. E fotógrafos sempre prontos a colaborar, como é o caso de Eduardo Topolski, de Curitiba, que fotografou no último dia 27 o Renault Sandero RS em testes finais. Com a palavra, o próprio: “O que pude observar no carro foi um stance bacana. As rodas lembram muito o desenho das do Fluence. Outro detalhe foi o LED diurno: quando o motorista aciona a seta para virar, o LED correspondente ao lado acionado apaga (como nos Audi).”

Apesar de o carro rodar com vidros muito escurecidos, para evitar os curiosos, Eduardo conseguiu dar uma espiada no interior. “Consegui ver que a moldura do centro do painel (onde vão as saídas de ar do ar-condicionado) era pintadas em preto brilhante. A ponteira de escape traseira é de tamanho respeitável (detalhe muito bacana, por sinal). O carro estava circulando na hora do rush, talvez um teste relacionado a isso. As lanternas parece ser as do Stepway”, disse ele.

IMG_0043

O Sandero RS é o primeiro RS desenvolvido fora da Europa, o que explica ele vir com suspensão recalibrada (mais firme e baixa), controle de estabilidade e o sistema RS Drive, com três modos de condução: Normal, Sport e Race. Suas rodas de aro 17, com pneus 205/45 R17, escondem freios a disco nas quatro rodas.

O motor é o mesmo 2.0 usado no Duster, mas gerando 145 cv com gasolina e 150 cv com etanol. Seus dados de desempenho já são conhecidos: 0 a 100 km/h em 8,5 segundos e velocidade máxima de 200 km/h. A transmissão é manual, de seis marchas.

 

Próxima geração do GT86 se baseará no MX-5 e terá trem de força híbrido

FlatOut 2015-07-31 às 11.38.39

Segundo a revista japonesa Best Cars, a parceria entre a Toyota e a Subaru no GT86 deve ficar restrita à primeira geração do modelo. A segunda, pelo menos na Toyota, será criada sobre a plataforma do novo Mazda MX-5, que vem recebendo elogios rasgados de toda a imprensa mundial, e terá trem de força híbrido, além do comum.

O híbrido será a opção de mais potência do carro, aliado a uma tecnologia de recuperação de energia usada pela F1, algo possivelmente aparentado do KERS. E ainda não tem potência estimada, mas certamente será maior do que a do motor de entrada, um 1.5 turbo de 190 cv. O preço será parelho ao cobrado pelo GT86 atual.

FlatOut 2015-07-31 às 11.38.52

Quanto à Subaru, provavelmente ela matará o BRZ. A equação de negócio só fazia sentido com a participação da Toyota e fontes da Subaru dizem que, no frigir dos ovos, o BRZ diluiu a identidade da marca, que sempre apresentou a tração nas quatro rodas e o motor boxer como exclusividades suas. Não como algo que pudesse ser partilhado com outras empresas.

O novo GT86 deve aparecer como conceito em 2017 e sua versão de produção está prevista para chegar ao mercado em 2020.

 

Funcionário de empresa de miniaturas revela o novo Maserati Levante

Levante-lek-001

Um funcionário de uma fábrica de miniaturas, provavelmente na China, quis mostrar como era seu trabalho na empresa, mas acabou revelando como deve ser a carroceria final do SUV da Maserati, chamado Levante, que deverá estrear no Salão de Detroit do ano que vem. A imagem é do site Autoblog.nl.

A empresa, que faz as miniaturas oficiais da marca italiana, deixou a carroceria em escala do Levante em uma mesinha de canto, ainda sem pintura e acabamentos. Um “body-in-white” da miniatura. E ele mostra que o SUV terá estilo cupê, com traseira bem caída, como a dos BMW X4 e X6, e para-lamas traseiros musculosos. Bem parecida com a do conceito, diga-se de passagem.

A plataforma, que deve ser a mesma usada pelo Ghibli, ou a do Quattroporte levemente encurtada, deve receber os mesmos motores do sedã, um V6 3.0 de 330 cv ou 410 cv.

 

Suzuki Grand Vitara de nova geração já é testado no Brasil

flagra_nova_geracao_suzuki_grand_vitara_4

Se você estiver pensando em comprar o Suzuki Grand Vitara, lembre-se de pedir um belo de um desconto ou segure um pouco a intenção. Isso porque a nova geração do utilitário já está sendo testada no Brasil, como o pessoal do site Autos Segredos já conseguiu revelar.

As fotos, dos leitores Marcel Bandeca e João Custódio, de Fernandópolis, em São Paulo, mostram o modelo mostrado no último Salão de Paris, em outubro de 2014, quase sem camuflagem. Segundo informações do site, as duas gerações devem conviver até o final do estoque da geração atual, que deve ser grande e, por isso, não deve acabar antes do lançamento da nova geração.

Se você gosta do motor 2.0, sua escolha é o modelo antigo. O novo terá o mesmo 1.6 a gasolina do S-Cross, de 120 cv, e possivelmente também a opção de um motor 1.6 diesel, com os mesmos 120 cv, mas com 32,6 mkgf de torque.

Matérias relacionadas

Daily drivers no GT40: as peruas mais bacanas para usar todos os dias

Dalmo Hernandes

Monica, Felicia e Zoe: os carros batizados com nomes de pessoas – parte 2

Dalmo Hernandes

Os preços e versões do Toyota Yaris no Brasil, hipercarros poderão disputar Le Mans, o novo Audi Q8 e mais!

Leonardo Contesini