A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Project Cars Project Cars #55

Project Cars #55 – os detalhes da preparação do Mini Power RC

Fala, galera gearhead! Como vocês viram anteriormente no meu projeto, eu tinha falado sobre os problemas que enfrentei para ligar o Mini Power, sobre os problemas com as engrenagens de marcha e também sobre a compra de um Tamiya TA05 elétrico com a bolha do Maverick.

Infelizmente ainda não tive tempo ($$$) para arrumá-lo, cada engrenagem de marcha está na casa das 50 ou 60 dilmas, e ainda há alguns pequenos contratempos que apareceram no meu FW06. Enquanto o Mini Power está parado em casa, aproveitei para fazer uma pequena limpeza em suas entranhas, apenas zelo, e percebi que na curva do escapamento está vazando bastante óleo e combustível, deixando o motor e a lateral do carro toda melada.

FOTO 1

Aí está somente um pouco de óleo, agora imaginem isso com poeira e outras sujeiras da pista tudo grudado…

Depois daquela enxurrada de problemas, e mais alguns novos aparecendo, tomei a decisão de levá-lo a uma loja especializada e pedir uma revisão geral. Já conheço uns caras meio especialistas nisso e já levei ele lá uma vez, mas apenas para alguns ajustes de suspensão. Dessa vez vou fazer uma geral, eles irão desmontar o carrinho por completo, limpar peças, trocar peças danificadas e fazer os ajustes necessários para que o pequeno volte a andar.

Aproveitarei também para a troca de engrenagens das marchas que no momento está me deixando uma dúvida: posso escolher por engrenagens com dentes a menos, ou seja, terei uma relação de marchas menor, tendo assim mais torque e uma maior velocidade inicial, porém estarei comprometendo a velocidade final do carro, se usar as engrenagens originais, terei menos velocidade de saída, porém com maior velocidade final, tudo isso depende muito da pista onde irei andar ou qual resultado quero obter. Por enquanto, ficarei com as engrenagens atuais, prefiro melhor velocidade final e sair mais devagar nas curvas, pelo menos não perco muita aderência e consigo sair nas curvas mais tracionado o que me ajuda também na economia de pneus.

FOTO 2

Aqui ele já estava um pouco mais limpo

Falando nas engrenagens, gostaria muito de agradecer a todos que comentaram falando sobre o ajuste do motor em relação as marchas, deixar mais perto, mais longe, em especial ao leitor Fabio Augusto que me passou um tutorial completo para a regulagem das engrenagens. Fiz também uma pesquisa sobre este problema e algumas outras pessoas foram me dizendo algumas coisas que parecem ser bestas, mas que podem também estar afetando este desgaste, que seria o diâmetro dos pneus e rodas do carrinho.

O que acontece é que, caso as rodas dianteiras e traseiras sejam de diâmetros ou até mesmo desgaste diferente, um dos eixos acabarem girando mais que o outro, fazendo um dos diferencias forçar um giro maior que o outro, com isso as engrenagens estarão forçando mais, fazendo com que tenham um desgaste maior e o cabeção aqui, na última troca de pneus, trocou apenas os dianteiros, que estavam bem gastos e deixei os traseiros que não pareciam estar tão gastos assim.

Agora com um pouco mais de conhecimento providenciei já um kit novo de rodas e pneus ainda de borracha para testes do carrinho, e futuramente comprarei pneus de espuma, que aquecem bem mais rápidos e me dão muito mais aderência.

FOTO 3


Olha o estado que chegou o pneu! Que burro, dá zero pra ele…

Por último e não menos importante, pretendo começar a focar mais no desempenho do carrinho, antes queria reduzir o seu peso para ganhar mais velocidade final, o que na verdade não acontecerá do jeito que eu esperava pois se eu reduzir demais o peso dele, estarei perdendo muita estabilidade tanto em curva quanto em reta, o foco agora está em tirar o máximo de desempenho possível do motor ou a troca do mesmo. Minha ideia principal agora está em chegar com ambos os carrinhos aos 100Km/h, para isso terei que melhorar algumas coisas ainda, mas primeiramente o foco vai ser em colocar o carrinho de volta para andar.

FOTO 4

Tá lindão ele né não!? haha

 

Mini Tesla

Falando agora sobre meu RC Elétrico, acho que decidi o nome do pequeno, o que acham de Mini Tesla!? Tirando a criatividade para nomes, seria uma pequena (sacaram o trocadilho!? (sim eu sou horrível em piadas, eu sei)) referência à Tesla Motors, a companhia que faz os melhores carros elétricos atualmente, e como não tinha muito tempo para pensar no nome, este foi o melhor que veio em mente.

FOTO 5

Sim, é um Maverick Elétrico

Como falei agora a pouco, o objetivo deste também é chegar aos 100Km/h — não quero fazer que nem os loucos que quase se mataram com um RC a 160Km/h — e por isso até estou um tanto quanto cauteloso sobre a velocidade que pretendo alcançar. Alguns vão me dizer que hoje existem vários RC’s que eu posso comprar de fábrica e que vão passar desses 100km/h fácil, mas se fosse para eu comprar um já pronto, não teria graça e não teria porque estar aqui no Project Cars, a ideia mesmo é mostrar que é possível tirar bastante desempenho destes carrinhos sem ter tudo na mão, ou sem ter que gastar muito. Já vi RC’s muito mais rápidos que o meu, mas que passam da casa das 2 mil dilmas, como já tenho um carrinho pronto e rodando, quero melhorar seu desempenho.

FOTO 6

Eu sei que ele está bem sujo, mas é o único que tenho para andar

As primeiras mudanças no pequeno elétrico serão matadoras, primeiro irei trocar o motor e o ESC (controlador do motor e direção) por um mais potente. Já estou providenciando a compra de um combo, o Hobbywing XERUN 120A Brushless System 8.5T com um ESC V2.1 w/ YR 540 Sensored 8.5T. com um kit de baterias Lipo de 2 células e pelo menos algo em torno de 3000 a 5000mAh que me darão energia suficiente para poder brincar com o pequeno por bastante tempo e com boa velocidade.

FOTO 7

Um motor bem potente para o Mini Tesla

Depois do motor irei trocar a bolha, pois a do Maverick que uso hoje está começando a ficar riscada demais e algumas partes estão quebrando. Se com um motor que não corre tanto a bolha já está desta maneira, imagina então quando pegar um mais potente!? Por isso que a troca da bolha será importante, pois preciso também de uma bolha mais aerodinâmica, inclusive, já tenho até uma ideia de cores, nada mais bonito e clássico como uma pintura a lá FlatOut Martini Racing.

FOTO 8

Não, a próxima bolha não será de um Mustang, mas a pintura será o mais parecido possível com essa…

Depois da troca do motor e da bolha, tenho quase certeza que por causa de sua velocidade terei de trocar o sistema de suspensão, e isto está também nos planos, pretendo colocar um kit de suspensão de alumínio, que é mais resistente e mais leve, reduzindo assim a chance de quebras e tenho algum ganho de velocidade.

FOTO 9

Um kit de suspensão desse vai deixar o garoto animal!

FOTO 10

Para fechar, uma imagem da bolha do Maverick que pretendo aposentar o quanto antes, está começando a ficar judiada essa bolha já!

Por Maycon Tavares, Project Cars #55

0pcdisclaimer2

Matérias relacionadas

Ford Ka XR: os primeiros reparos do Project Cars #427

Leonardo Contesini

Project Cars #366: uma preparação de Stock Car para meu Chevrolet Opala 1977

Leonardo Contesini

Project Cars #390: escolhendo a cor para o visual retrô da minha Kombi 1996

Leonardo Contesini