A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Notícias

Quadrilha faz blitz falsa em rodovia monitorada por câmeras

Operações policiais falsas e armadas por quadrilhas infelizmente não são novidade no Brasil. Os bandidos descolam fardas, cones e montam uma operação idêntica àquelas feitas pela polícia como fiscalização “relâmpago”. Geralmente essas ações criminosas acontecem durante a noite em vias urbanas e afastadas do centro das cidades, e, claro, longe dos policiais de verdade.

Mas na tarde do último domingo (23) uma certa quadrilha se mostrou ainda mais ousada: eles organizaram uma falsa blitz em uma rodovia federal monitorada por câmeras e em plena luz do dia.

O crime aconteceu no trecho da BR-101 ao norte de Santa Catarina, no município de Barra Velha, por volta das 16 horas em pleno domingo. Quatro homens vestidos com coletes da Polícia Civil e portando fuzis entraram na pista da rodovia, pararam um ônibus de turismo e anunciaram o assalto. O ônibus de Novo Hamburgo (RS) voltava de uma excursão de compras em São Paulo, um tipo e viagem comum entre lojistas do Sul, que compram mercadorias nos bairros Bom Retiro, Liberdade e na famosa rua 25 de Março da capital paulista para revender em suas cidades.

Os criminosos renderam o motorista, assumiram a direção do ônibus levando-o para uma rua afastada da rodovia e lá renderam os passageiros para levar toda a mercadoria do bagageiro do ônibus em um Peugeot 307 prata, que escoltou o ônibus. O valor estimado dos objetos roubados é de R$ 110.000.

O que mais impressiona na história, contudo, é que o trecho está sob o monitoramento permanente das câmeras de vigilância  compradas e instaladas justamente para melhorar as condições de segurança da rodovia, inibindo a ação de ladrões de cargas nesta que é a principal ligação rodoviária entre as três capitais do Sul do Brasil.

O Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) acredita que os criminosos sejam de outro estado e já estavam acompanhando o ônibus desde o início da viagem. Apesar de agir diante das câmeras de vigilância, nenhum dos criminosos foi identificado e a polícia ainda não tem suspeitos. A partir da semana que vem a polícia irá ouvir os depoimentos do motorista e dos 32 passageiros do ônibus.

Matérias relacionadas

[ Zero a 300 ] EcoSport reprovado, o aumento do IPI, demissões em massa e mais!

Leonardo Contesini

California: a última Ferrari com câmbio manual da história

Dalmo Hernandes

Jeremy Clarkson, Richard Hammond e James May já destruíram 27 carros em “The Grand Tour”

Leonardo Contesini