A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Achados meio perdidos

Quem está a fim de uma rara Caravan Diplomata bem conservada a um preço razoável?

Um dos maiores ícones da indústria automotiva nacional é, sem dúvida, o Chevrolet Opala. O clássico GM atravessou três décadas e amealhou milhares de admiradores ao longo de toda sua carreira, e naturalmente isto inclui a perua Caravan. Dito isto, que tal lhe parece esta Caravan Diplomata 1989? Ela é rara, bem conservada e, felizmente, está à venda.

A verdade é que em 1989 a linha Opala já estava em sua reta final — três anos depois, a Chevrolet lançaria no Brasil o Omega que, apesar de ser considerado o melhor carro já fabricado no País e ficar conhecido como “Absoluto”, para muitos fãs do Opala não tem o mesmo carisma.

caravan-achados (5)

O Opala foi lançado no Brasil em 1968 e passou por duas grandes reestilizações que garantiram sua longevidade e até conseguiram mantê-lo sempre contemporâneo ao longo de seus 24 anos de existência — algo não tão simples se tratando de um projeto tão antigo.

Se, no auge de sua popularidade, o Opala tinha certo apelo esportivo, nos últimos anos sua proposta voltou-se mais para o luxo — algo que começou já em 1975, com o lançamento do requintado Comodoro. Em 1979, a linha Opala passou a ser dividida entre básico, o intermediário Comodoro e o topo de linha Diplomata. Em sua fase mais equipada, o Diplomata chegou a trazer de série volante reguláve, ar-condicionado e câmbio automático ZF de quatro marchas, com overdrive. O Comodoro podia receber, como opcionais, quase todos itens presentes de série no Diplomata.

caravan-achados (2)

A Caravan só passou a ser oferecida na versão Diplomata no final de 1985 (já como modelo 1986) e, até o fim do Opala em 1992, foi a variação menos produzida do Opala. Estima-se que, de um milhão de Opala produzidos, cerca de 10.000 sejam Caravan Diplomata. Para efeito de comparação, foram produzidas três vezes mais Caravan Comodoro no mesmo período.

Esta é uma das pouco mais de 1.300 Caravan Diplomata produzidas em 1989 (cerca de 800 a gasolina e 500 a álcool) e, antes de qualquer coisa, é um dos exemplares mais bem conservados que já vimos.

caravan-achados (1)

Segundo o anúncio no OLX o carro, que está em Ribeirão Preto/SP, rodou pouco menos de 30 mil km desde que foi fabricado pois seu dono anterior não podia mais dirigir. O atual proprietário afirma ter realizado toda a manutenção necessária para que o carro pudesse voltar a rodar de forma saudável — motor (de seis cilindros e 4,1 litros com 121 cv), câmbio, carroceria, pneus, fluidos e ar-condicionado. O anunciante ainda diz que o carro é praticamente original, com alguns detalhes mínimos a sanar.

E quanto ele quer pelo carro? A julgar pela situação do mercado de antigos, até que um valor razoável — R$ 17 mil, por uma versão rara e bem equipada de um dos maiores clássicos nacionais. Fica mais atraente ainda se levarmos em consideração que existem exemplares em estado bem pior sendo anunciados por até R$ 30 mil — quase o dobro.

caravan-achados (3)

O que você acha deste carro? É um bom negócio?

[ OLX. Sugerido pelo leitor Adriano ]


“Achados Meio Perdidos” é o quadro do FlatOut! na qual selecionamos e comentamos anúncios de carros interessantes ao público gearhead, como veículos antigos, preparados, exclusivos e excêntricos. Não se trata de uma reportagem aprofundada e não nos responsabilizamos pelas informações publicadas nos anúncios – todos os detalhes devem ser apurados com o anunciante.

Matérias relacionadas

Um BMW E36 conversível com câmbio manual, um Volvo 850 T5R de único dono, um ícone JDM e mais no GT40

Dalmo Hernandes

Que tal um Citroën Xsara VTS preparado com mais de 200 cv na sua garagem? Este aqui está à venda

Dalmo Hernandes

Muscle car alemão: este Mercedes-Benz CLK430 Sport está à venda!

Dalmo Hernandes