A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Achados meio perdidos Zero a 300

Quer um hot hatch dos anos 90? Este Kadett GSi impecável e muito bem cuidado está à venda

Na década de 1990 quem queria comprar um carro esportivo nacional tinha nos hot hatches a maior oferta. Cada uma das quatro grandes fabricantes instaladas no Brasil tinha o seu: a Volkswagen oferecia o Gol GTI; a Ford tinha o Escort XR3 (que usava motor VW, graças à Autolatina); a Fiat tinha o Uno 1.6R e, apartir de 1994, o Uno Turbo; e a Chevrolet vendia o Kadett GSi. Todos eram sonhos de consumo da juventude na época, mas não eram carros baratos.

Agora, mais de 20 anos depois, eles estão bem mais acessíveis – bom para quem não podia ter um deles na época. E hoje é seu dia de sorte se o Chevrolet era (ou é) seu favorito, porque o nosso Achado meio Perdido de hoje, anunciado no GT40, é justamente um Kadett GSi. E um dos mais bonitos que já vimos.

A primeira versão esportiva do Chevrolet Kadett foi o GS, apresentado em 1989 como modelo de topo. O motor era o confiável e onipresente GM Família II, no caso do GS alimentado por um carburador de corpo duplo para entregar 110 cv a 5.600 rpm e 17,3 mkgf de torque a 3.000 rpm. Era o suficiente para ir de zero a 100 km/h em 10,5 segundos, com velocidade máxima de 180 km/h.

O Kadett GS tinha para-choques exclusivos, praticamente iguais aos do modelo europeu, com faróis de neblina embutidos no para-choque dianteiro, e uma faixa preta entre as lanternas traseiras – que também tinham acabamento diferenciado, com filetes pretos nas lentes.

img_324284_4_c5dc90ab-d675-4c36-90ff-b9a7cdb1013c img_324308_4_c5dc90ab-d675-4c36-90ff-b9a7cdb1013c

O visual foi mantido praticamente quando o Kadett GS se tornou Kadett GSi, em 1992 – exceto pela ausência da faixa preta na traseira, pelos piscas dianteiros que agora tinham lentes brancas (antes eram âmbar) e pelo revestimento interno, que agora era cinza-claro. A maior novidade era o sistema de injeção eletrônica multiponto, que elevava a potência do motor 2.0 para 121 cv a 5.400 rpm, enquanto o torque chegava a 17,6 mkgf às mesmas 3.000 rpm. Com 11 cv a mais o GSi levava 10 segundos cravados para ir de zero a 100 km/h, enquanto a velocidade máxima passava a 190 km/h.

img_324332_4_c5dc90ab-d675-4c36-90ff-b9a7cdb1013c

O carro anunciado no GT40 pertence a Fernando Silotto, de São Paulo/SP. Ele conta que já conhecia o carro antes de comprá-lo – ele pertencia a seu sócio, que cuidava muito bem do GSi mas decidiu trocá-lo por um BMW 323i Compact há alguns meses.

Fernando conta que o Kadett passou por um banho de tinta (na tonalidade de fábrica, Vermelho Creta) em 2012, e que o trabalho foi muito bem feito. No mais, o carro é todo original – todos os vidros, acabamentos internos, emblemas, rodas, lanternas e faróis (exceto os de neblina). Ele diz que mandou fazer uma revisão completa logo após a compra, com troca de cabos, velas, filtros e fluidos.

img_324324_4_c5dc90ab-d675-4c36-90ff-b9a7cdb1013c img_324312_4_c5dc90ab-d675-4c36-90ff-b9a7cdb1013c img_324316_4_c5dc90ab-d675-4c36-90ff-b9a7cdb1013c

Segundo Fernando o carro jamais foi abusado, está muito íntegro e funciona perfeitamente. Isto inclui equipamentos como o painel digital e o ar-condicionado, que segundo Fernando gela muito bem. O Kadett GSi também é equipado com teto solar.

img_324320_4_c5dc90ab-d675-4c36-90ff-b9a7cdb1013c img_324304_4_c5dc90ab-d675-4c36-90ff-b9a7cdb1013c

O dono acrescenta, ainda, que mandou fazer um detailing completo no carro recentemente, e que guarda uma relação completa e as notas fiscais de todos os serviços realizados no GSi.

O preço pedido pelo carro não foge muito do valor que os melhores exemplares do Kadett GSi andam custando no mercado. Se você ficou interessado, basta clicar aqui para acessar o anúncio, onde estão os contatos do proprietário.

inbanner-fim-post


“Achados Meio Perdidos” é o quadro do FlatOut! no qual selecionamos e comentamos anúncios do GT40.com.br de carros interessantes ao público gearhead, como veículos antigos, preparados, exclusivos e excêntricos. Não se trata de publieditorial. Não nos responsabilizamos pelas informações publicadas nos anúncios nem pelas negociações decorrentes – todos os detalhes devem ser apurados atenciosamente com o anunciante!

 


z-gasrubberbranca-camiseta-1140x448

Matérias relacionadas

Volkswagen pode ter fraudado mais três linhas de motores diesel, 25 anos da última dobradinha brasileira na F1, chip de rastreamento deixa de ser obrigatório e mais!

Leonardo Contesini

Semana Alfa Romeo no GT40: todos os modelos poderão anunciar na faixa até a próxima terça!

Juliano Barata

Lamborghini lança novo Aventador S, Amazon “censura” episódio de The Grand Tour, Indy estuda proteção de cockpit e mais!

Leonardo Contesini