FlatOut!
Image default
Car Culture Carros Antigos

R$ 380 milhões: é o valor desta coleção de 543 clássicos que foi comprada pela Jaguar

Quanto você gastaria, ao longo da vida, para juntar uma coleção de mais de 500 carros clássicos, alguns deles extremamente valiosos? É difícil calcular, mas uma coleção exatamente assim foi anunciada em maio por £ 100 milhões — o que dá quase R$ 380 milhões. Agora alguém a comprou — a Jaguar Land Rover. Mas o que eles levaram “para casa”, exatamente? É de tirar o fôlego.

O ex-dono da coleção é o britânico James Hull, um dentista que começou a juntar carros há 35 anos. Ele conta que o primeiro carro foi um Morris Minor conversível — presente na coleção até hoje —, mas que nos anos seguintes desenvolveu uma paixão especial pelos Jaguar.

A coleção cresceu muito ao longo destas três décadas, e hoje conta com 543 carros, a esmagadora maioria deles de origem britânica: Austin, Bentley, Triumph, Rolls-Royce… Mas isto não significa que ele também não tenha algumas joias de outros cantos da Europa, como uma pequena frota de Citroën DS.

Alguns destaques da coleção são o Mini Traveller que pertenceu ao Conde Mountbatten da Birmânia, um Bentley Continental que era de Elton John e o Austin Cambridge 1938 do primeiro-ministro Winston Churchill.

jaguar-coleçao (1)

Contudo a maior presença na coleção é de automóveis da Jaguar — que correspondem a 130 dos 543 carros. Eles são especiais por si só, mas Hull conseguiu alguns exemplares verdadeiramente impressionantes — como um raro Jaguar XKSS (igual ao de Steve McQueen), versão de rua do Jaguar D-Type, que venceu as 24 Horas de Le Mans entre 1955 e 1957. Ah, e ele também tem um exemplar do D-Type, que sozinho vale mais de £ 4 milhões (R$ 15 milhões).

jaggg (1)

Outro carro com imenso valor histórico é o Jaguar 420g — sobre o qual James Hull comenta no vídeo — que pertenceu a ninguém menos que Sir William Lyons, um dos co-fundadores da Jaguar. O carro foi feito especialmente para ele em 1966 — conta, entre outras coisas, com uma divisão de acrílico entre os bancos dianteiros e traseiro — e era seu meio de transporte pessoal.

A coleção também tem uma seção de modelos 4×4 — entre eles, vários Land Rover em estado de conservação absolutamente impecável. Os 543 automóveis estão guardados em alguns depósitos espalhados pelo condado de Hertfordshire, na Inglaterra.

jaggg (2)

James Hull é dono de um império de mais de 50 consultórios dentários espalhados por todo o Reino Unido com valor avaliado em £ 90 milhões (R$ 340 milhões) e lucra cerca de £ 7 milhões (R$ 26 milhões por ano) — e ainda há quem diga que os britânicos não cuidam dos seus dentes. Mas, se ganha tanto dinheiro, por que Hull vendeu sua coleção?

A razão divulgada foi simplesmente “questões de saúde”. Sem dar detalhes, Hull apenas disse que acredita que sua coleção será bem cuidada:

Viajei pelo mundo todo para construir esta coleção ao longo dos anos. Ela é fruto de amor e do trabalho de uma vida, e por isso meu maior objetivo não era conseguir o maior preço mas seim assegurar o futuro da coleção neste país com o curador certo. A Jaguar é a curadora perfeita, e eu sei que a coleção estará em boas mãos.

A Jaguar Special Operations, recém criada divisão de veículos especiais da Jaguar — que recentemente anunciou a produção limitada do Jaguar Project 7 — se recusa a dizer o quanto pagou pelos carros, limitando-se apenas a comentar a satisfação em adquirir os veículos da coleção de James Hull. O plano da Jaguar é preservar o legado de 92 anos da fabricante de automóveis — uma atitude sempre louvável, ainda mais vinda de uma marca com tanta história.

jaguar-colecao (7)

Matérias relacionadas

Ken Block, Magnus Walker, Akira Nakai e os ícones do novo Need For Speed

Dalmo Hernandes

Flat-4: a história dos Porsche com motores de quatro cilindros

Leonardo Contesini

Este Lincoln Continental feito de papelão é uma homenagem impressionante a um carro de verdade

Dalmo Hernandes