A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Projetos Gringos

Renault Twingo V8 Trophy é a prova de que os franceses são loucos (e isto é bom)

Mais do que um carro compacto com visual inusitado, o Renault Twingo foi um carro inovador que, mesmo minúsculo, tinha espaço de sobra e era muito prático. Tão prático, que você pode até instalar um V8 no lugar do banco traseiro! Pois foi exatamente isso o que alguns franceses malucos fizeram com este Twingo, que se transformou na materialização da expressão “foguete de bolso”.

A verdade é que, se você tem um gosto automotivo peculiar (como o deste escriba), as chances são grandes de você já ter procurado inspiração em Twingo modificados pela internet. E sempre que alguém faz isto, surgem imagens deste carro — o Twingo com motor V8 feito pela oficina francesa Lazareth, que o batizou de Twingo V8 Trophy.

 

O motor é um V8 Rover de 3,5 litros — um motor projetado pela GM em 1960 e chamado originalmente de Buick 215 (polegadas cúblicas). Em 1964 que a Rover decidiu comprar um V8 americano para colocar em seus carros — e escolheu o Buick 215, que foi rebatizado como Rover V8 e equipou modelos da Rover, da Triumph, da Land Rover e até mesmo da TVR.

Montado na porção central-traseira do Twingo, em posição longitudinal (ou você achou que ele caberia naquele cofre minúsculo feito para um quatro-cilindros 1.2?), o V8 tem sua potência entregue para as rodas traseiras através de um câmbio manual de cinco marchas. Originalmente, o motor tem 182 cv, mas um trabalho nos cabeçotes e coletores rendeu um aumento para 200 cv — convenhamos, uma bela cavalaria para um carro tão pequeno que pesa menos de 800 kg.

O projeto começou em 2006, com a instalação do motor sendo seguida por adaptações na estrutura do carro e na carroceria — que foi cortada para receber rodas de 18 polegadas calçadas com pneus Yokohama de 265 mm de largura na dianteira e 365 mm na traseira! A suspensão também foi toda modificada, com um sistema inboard na traseira, e reforçada na dianteira. Eis algumas fotos do processo de transformação:

O vídeo abaixo mostra o carro rodando com o novo motor pela primeira vez. O body kit ainda não havia sido montado, então dá para ver o quão profundas foram as modificações na carroceria.

O interior também foi modificado, com bancos concha e cintos de competição, volante de cubo rápido e um painel digital aftermarket dando conta de mostrar todas as informações a respeito do funcionamento do carro.

twingov8 (7)

Quando o Twingo V8 Trophy foi revelado, em 2009, a Lazareth disse que o venderia por € 70 mil, o que hoje equivale a pouco mais de R$ 210 mil. Desde então o carro ganhou uma nova pintura e o cinza fosco deu lugar ao branco. O interior também recebeu um acabamento mais escuro.

Só que, a esta altura, parece que eles desistiram de vender, e dizem em seu site que o carro é um “protótipo para exibição, feito para eventos automotivos, exibições, fins publicitários ou no cinema”. A gente certamente gostaria de ver um filme com este francesinho.

Top Gear Renault Clio V6 Phase II

E é impossível não associá-lo com o Clio Renault Sport V6, lançado em 2001, que usava o V6 do Laguna recalibrado para produzir 230 cv, e foi escolhido por Jeremy Clarkson como um de seus carros favoritos de todos os tempos. O que será que ele acharia deste Twingo?

twingov8 (14)

Matérias relacionadas

O Chevrolet Nova usado no filme Death Proof de Quentin Tarantino está à venda!

Leonardo Contesini

Great Scott! Agora você pode ter um capacitor de fluxo no seu carro – e em vários tamanhos!

Leonardo Contesini

Eu fiz o curso de pilotagem Premium Racing School com o Mitsubishi Lancer Evo R – e foi épico

Juliano Barata