FlatOut!
Image default
Notícias

Será que a Hyundai vai mesmo lançar seu hatch de 300 cv com motor central-traseiro?

Lembra quando falamos que a Hyundai estava com intenções bastante sérias ao colocar seu i30 para disputar as 24 Horas de Nürburgring deste ano? No mês seguinte eles deram mais uma prova disso: o conceito RM16, que era meio um Veloster reestilizado e com um belo motor 2.0 turbo de 300 cv instalado no lugar dos bancos de trás. Na ocasião achamos que ele era apenas um show car, como quase tudo de mais legal que a Hyundai (e a Kia) já apresentaram até hoje. Felizmente estávamos enganados.

hyundai-rm16-n-005

Nesta terça-feira o hot hatch apareceu em uma sessão de testes em Nürburgring. Ele é exatamente como o conceito apresentado na metade do ano, porém todo camuflado. Estão lá os para-lamas largos, os para-choques agressivos, com uma imensa tomada de ar na dianteira, respiros e um enorme difusor na traseira. As tomadas de ar nas laterais, que alimentam o motor 2.0 turbo de 300 cv, também continuam ali.

hyundai-rm16-n-010

Claro: o protótipo não significa que a Hyundai irá produzir este hot hatch em série, mas demonstra mais uma vez que a marca está comprometida a chegar com tudo no universo dos esportivos. Afinal, foram poucas as marcas que ousaram fazer um hot hatch com motor central traseiro e tração apenas nas rodas de trás.

hyundai-rm16-n-006

Por outro lado, é possível que haja alguma razão nessa loucura: ao fazer um hatchback com motor e tração na traseira, a Hyundai N se distancia da atual geração dos hatches esportivos médios, todos com motores 2.0 turbo, potência na casa dos 300-350 cv e tração integral. Em vez de ser mais um no grupo, o Hyundai RM16 seria uma alternativa única, sem ninguém para disputar seu território. Especialmente se a marca adotar materiais leves e continuar acertando sua dinâmica em Nürburgring.

Por enquanto qualquer palpite sobre a produção ou lançamento do carro seria apenas isso, um palpite. O carro parece estar em um estágio avançado de desenvolvimento, se ele não for apenas uma mula de testes para desenvolvimento do motor esportivo da Hyundai N. O jeito é esperar e ver qual será a próxima pista deste dilema.

Matérias relacionadas

Veja (e ouça) o novo Toyota Supra em ação!

Leonardo Contesini

Nova geração do Toyota Supra poderá usar sistema híbrido do carro de Le Mans

Leonardo Contesini

Etanol pode não ter rendimento de 70% em relação à gasolina, aponta levantamento

Leonardo Contesini