A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Car Culture Projetos Gringos

Sim, amigos, isto é um Skyline GT-R R34 com o motor V6 biturbo do Nissan GT-R

É incrível como quase dez anos depois do lançamento e próximo de ganhar uma nova geração, o Nissan GT-R continua dando o que falar. É só lembrar de alguns dias atrás, quando o mundo todo ficou surpreso ao ver o Porsche 911 GT3 RS superar o Godzilla na arrancada — a reputação de devorador de gigantes do GT-R é realmente forte.

É claro que o resultado daquele racha não torna o Nissan GT-R menos interessante — ele ainda tem um motor V6 biturbo de 3,8 litros e 552 cv (ou mais de 600 cv, no caso do GT-R Nismo) e tração integral para levar os mais de 1.700 kg de carro até os 100 km/h na casa dos três segundos. Sem falar nos sistemas eletrônicos que o ajudam a ser um belo devorador de curvas.

project-erubisu (2)

Agora, há quem prefira a relativa simplicidade e o visual mais esbelto de seu predecessor — o Nissan Skyline GT-R R34, que saiu de linha em 2000. O R34 foi o último dos Skyline GT-R, sucedendo o R32 e o R33 e formando a Santíssima Trindade da Nissan. Como os outros dois, ele tinha um seis-em-linha biturbo de 2,6 litros (o famoso RB26DETT), cerca de 300 cv, tração integral e câmbio manual de seis marchas. Muito mais old school. Além disso, ele é um clássico dos games, como a galera que era moleque nos anos 1990 vai lembrar muito bem. E já falamos que ele era muito mais leve que um Nissan GT-R, com cerca de 1.400 kg?

project-erubisu (3)

E que tal juntar o melhor destes dois monstros, colocando o motor do Godzilla no R34? É exatamente isto que os australianos da Motive DVD fizeram. A MotiveDVD é uma mistura de oficina, preparadora e produtora de vídeos que, além de construir seus carros, viaja pelo mundo documentando projetos de outras pessoas. Para eles, o Skyline com motor de GT-R é sua obra prima — e, bem, a gente acha que eles estão certos.

O projeto começou em novembro de 2015 e, em fevereiro de 2016, o carro já estava com o motor instalado e rodando — apenas quatro meses depois. Agora, se você acha que foi fácil…

project-erubisu (4)

Fazer com que o motor coubesse no cofre nem foi o maior problema — o VR38DETT do GT-R não é tão grande assim e ainda é mais curto que o RB26DETT original. No entanto, foi preciso cuidar para que os semieixos e o diferencial dianteiro se alinhassem com o motor no cofre. Deu certo, e o capô até fechou perfeitamente!

O conjunto mecânico do carro, contudo, é um verdadeiro monstro de Frankenstein: o motor e o diferencial dianteiro são do GT-R; a transmissão é sequencial de seis marchas da Albins; os cubos das rodas são do Skyline GT-R R34; e o diferencial traseiro veio do R32. Os semieixos fora adaptados usando peças do R32 e do R34, a fim de torná-los compatíveis com as medidas do motor e do carro. Os suportes do motor foram feitos sob medida, e algumas modificações no túnel central tiveram que ser realizadas.

project-erubisu (5)

Os dois turbocompressores originais foram trocados por um par de Garrett GTX3582R e o motor recebeu componentes internos reforçados, além de agora ser controlado por um módulo Haltech com calibragem exclusiva — tudo para garantir que aguente os 1.200 cv previstos pela Motive DVD.

project-erubisu (10)

Em março, na primeira volta do carro, porém, a potência era de 575 cv nas rodas traseiras com os turbos operando a 1 bar de pressão — os componentes da tração integral ainda não estavam instalados. A tração integral só foi acertada no início deste mês. No vídeo abaixo, já com a força nas quatro rodas, podemos ver que agora são 620 cv nas rodas a 1,3 bar de pressão. Nada mau mesmo.

project-erubisu (12)

De acordo com a Motive DVD, eles são os primeiros a realizar esta cirurgia no Skyline GT-R R34 e, por isto, muitas soluções tiveram que ser descobertas na hora pois não havia uma receita pronta. Aparentemente está tudo indo bem — e a gente vai acompanhar este projeto com certeza.

 

Matérias relacionadas

Por dentro da coleção secreta de carros de corrida da Toyota Motorsports GmbH

Dalmo Hernandes

Mopar heaven: com 700 carros, este é o maior ferro-velho de Dodge e Plymouth do planeta

Dalmo Hernandes

Este BMW M5 E39 é prova que um BMW M pode ser um belo sleeper

Renato Bellote