A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Car Culture Cinema Projetos Gringos Vídeo

The Escape, o novo curta da BMW Films, saiu na íntegra – e é simplesmente animal

Há alguns dias mostramos aqui o trailer de The Escape, nova produção da BMW Films. O curta de dez minutos (treze, contando com os créditos) traz, mais uma vez, Clive Owen no papel do motorista anônimo, agora ao volante do novo BMW 540i. A estreia foi ontem, e o filme ficou nada menos que sensacional.

Para refrescar sua memória: há 15 anos, a fabricante lançou uma série de curtas-metragens de ação chamada The Hire, com oito episódios divididos em duas temporadas. The Escape, por sua vez, será uma produção única. Só que a qualidade do trampo compensa, de verdade. Sem mais enrolação, assista e comprove agora mesmo!

As legendas  podem ser traduzidas automaticamente pelo Youtube – não é o ideal, mas já ajuda a entender

Dirigido por Neill Blonkamp, de “Distrito 9”, The Escape traz a típica abordagem de ficção científica pela qual o diretor já foi premiado. Tudo começa quando uma empresa especializada em experimentos genéticos chamada Molecular Genetics, ou simplesmente MolGen, é exposta por um nefasto programa de clonagem humana e pelo desaparecimento de uma de suas cientistas, a professora Philips, interpretada por Vera Farmiga (Bates Motel).

14642473_10154648337477269_4260671407597709995_n

No meio da confusão, um dos “espécimes” – a garota Lily (Dakota Fanning), identificada de início como Five – precisa ser levada em segurança do local, pois foi comprada por um cliente não identificado. E adivinhe quem é o motorista contratado para tirá-la dali? Exatamente.

P90235397_highRes_jon-bernthal-on-set-

Envolvido na trama também está o mercenário Holt, interpretado por Jon Bernthal, que fez o papel do Justiceiro na série “Demolidor” produzida pela Netflix. Ele é o antagonista da história toda… sobre a qual não vamos revelar mais detalhes para não estragar a surpresa (ainda que você provavelmente já tenha assistido se chegou até aqui).

Podemos dizer, contudo, que a fuga do FBI é o ponto alto do filme. Contrastando com o cenário de ficção científica, a sequência de perseguição é realista e plausível – nada de carros abrindo passagem ou explosões megalomaníacas a là Michael Bay. Créditos a Guy Norris, supervisor das cenas de ação, que já havia feito um trabalho primoroso em “Mad Max: Estrada da Fúria”; e também ao piloto dublê Matt Mullins.

BMW-Films-The-Escape-3-750x500

O resultado, honestamente, deixaria alguns filmes de Hollywood morrendo de vergonha… caso filmes tivessem sentimentos. E isto também vale para as atuações e a fotografia, que tornam até meio difícil acreditar que se trata de um filme publicitário feito por uma fabricante de automóveis.

E é claro que a gente não poderia deixar de mencionar o carro escolhido: o novo BMW Série 5, geração G30, revelada há alguns dias apenas. A versão escolhida foi a intermediária 540i, equipada com um seis-em-linha B58 de três litros com turbo twin-scroll (apenas um) e injeção direta de combustível. São 340 cv a 5.500 rpm e 51 mkgf de torque entre 1.520 e 4.500 rpm. A BMW disse que não optou pelo topo-de-linha M550i, dotado de um V8 biturbo de 462 cv, por uma boa razão: mais leve, o 540i era mais apropriado para as cenas de perseguição.

14690953_10154648337867269_5674412526998414227_n

O dublê Matt Mullins ao lado do carro. Leia tudo sobre a nova geração do BMW Série 5 aqui!

“Quando encomendamos The Escape, nossa única exigência era que a história deveria continuar sendo de imporântância, e que deveria fazer justiça ao padrão estabelecido por The Hire“, comentou o vice-presidente sênior da BMW, Hildegard Wortmann. “Neill, Clive e todo o elenco fizeram um trabalho incrível, e estamos confiantes de que The Escape não apenas alcançou o padrão, mas também estabeleceu um novo.” A gente concorda.

Matérias relacionadas

Supervans: quando a Ford decidiu que a Transit era, na verdade, um carro de corrida

Dalmo Hernandes

Este cara caminha 34 km por dia para ir e voltar do trabalho e agora vai ganhar um carro graças à Internet

Dalmo Hernandes

Vídeo: Hennessey Venom GT supera Bugatti Veyron e agora é o carro mais rápido do planeta

Leonardo Contesini