A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Notícias

Toyota pode voltar ao Mundial de Rali em 2017

Lembra como a Toyota era forte no WRC durante os anos 1990? Em menos de 10 temporadas, eles venceram nada menos do que quatro campeonatos de pilotos e três de construtores com os lendários Celica e Corolla pintados nas cores da Castrol. E então, no fim da década, em 1999, eles simplesmente largaram tudo nunca mais voltaram aos estágios de rali.

Mas isso pode estar perto de mudar. No fim do ano passado, a Toyota Motorsport GMbH (o braço automobilista da marca) confirmou que está trabalhando em um protótipo para o WRC, e mais recentemente o próprio CEO da marca Akio Toyoda disse a um programa de automobilismo da TV japonesa que a fabricante “gostaria de voltar ao WRC”. Claro, depois disso não houve nenhuma declaração oficial, nem detalhes sobre o tal protótipo do WRC, mas o canal do YouTube Rally Emotion gravou este vídeo do Toyota Yaris WRC sendo testado em Riparbella, na Itália.

Segundo as notícias vindas da Europa, a marca ficou satisfeita com os resultados do teste italiano. Contudo, a volta da marca com força total ao mundial de rali pode acontecer somente após 2017 e com um carro um pouco diferente. Confuso?

Acontece que a FIA prevê um novo regulamento para o WRC em 2017, e a Toyota discutiu com a entidade a possibilidade de incluir tecnologias híbridas no regulamento. Nesse caso, a marca japonesa levantaria poeira com o Yaris Hybrid-R, que foi apresentado no último Salão de Genebra.

Toyota-Yaris-Hybrid-rweb

Ele é basicamente uma evolução do Yaris WRC, que usa motor 1.6 com injeção direta e um turbo Garrett GT2560R que produz até 2,5 bar para gerar 300 cv. A tecnologia híbrida usa dois motores elétricos para girar as rodas de trás, enquanto o motor a combustão cuida apenas do par dianteiro. Com mais motores, a potência também sobe: são 420 cv moderados por um câmbio sequencial de seis marchas.

Claro, o WRC não permite mais carros com potência assim alta, e por isso se a Toyota voltar mesmo ao Mundial, o carro deverá ser um pouco menos potente.

Sasol-Rally-preview-Leeroy-Poulter-and-Elvéne-Coetzee-Castrol-Toyota-Yaris-S2000-2013

Mesmo assim, é bom ver mais uma fabricante voltando ao WRC — e provavelmente com as tradicionais cores da Castrol, que já estampam a carroceria do Yaris que disputa a categoria S2000.

Matérias relacionadas

Ferrari patenteia nova tecnologia eletrônica de direção

Leonardo Contesini

Ladrões estão usando softwares para roubar carros com sistema keyless

Leonardo Contesini

Volkswagen paralisa produção de up!, Voyage e Gol, e dá férias coletivas a 4.200 funcionários

Leonardo Contesini