A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Notícias

Toyota pode voltar ao Mundial de Rali em 2017

Lembra como a Toyota era forte no WRC durante os anos 1990? Em menos de 10 temporadas, eles venceram nada menos do que quatro campeonatos de pilotos e três de construtores com os lendários Celica e Corolla pintados nas cores da Castrol. E então, no fim da década, em 1999, eles simplesmente largaram tudo nunca mais voltaram aos estágios de rali.

Mas isso pode estar perto de mudar. No fim do ano passado, a Toyota Motorsport GMbH (o braço automobilista da marca) confirmou que está trabalhando em um protótipo para o WRC, e mais recentemente o próprio CEO da marca Akio Toyoda disse a um programa de automobilismo da TV japonesa que a fabricante “gostaria de voltar ao WRC”. Claro, depois disso não houve nenhuma declaração oficial, nem detalhes sobre o tal protótipo do WRC, mas o canal do YouTube Rally Emotion gravou este vídeo do Toyota Yaris WRC sendo testado em Riparbella, na Itália.

Segundo as notícias vindas da Europa, a marca ficou satisfeita com os resultados do teste italiano. Contudo, a volta da marca com força total ao mundial de rali pode acontecer somente após 2017 e com um carro um pouco diferente. Confuso?

Acontece que a FIA prevê um novo regulamento para o WRC em 2017, e a Toyota discutiu com a entidade a possibilidade de incluir tecnologias híbridas no regulamento. Nesse caso, a marca japonesa levantaria poeira com o Yaris Hybrid-R, que foi apresentado no último Salão de Genebra.

Toyota-Yaris-Hybrid-rweb

Ele é basicamente uma evolução do Yaris WRC, que usa motor 1.6 com injeção direta e um turbo Garrett GT2560R que produz até 2,5 bar para gerar 300 cv. A tecnologia híbrida usa dois motores elétricos para girar as rodas de trás, enquanto o motor a combustão cuida apenas do par dianteiro. Com mais motores, a potência também sobe: são 420 cv moderados por um câmbio sequencial de seis marchas.

Claro, o WRC não permite mais carros com potência assim alta, e por isso se a Toyota voltar mesmo ao Mundial, o carro deverá ser um pouco menos potente.

Sasol-Rally-preview-Leeroy-Poulter-and-Elvéne-Coetzee-Castrol-Toyota-Yaris-S2000-2013

Mesmo assim, é bom ver mais uma fabricante voltando ao WRC — e provavelmente com as tradicionais cores da Castrol, que já estampam a carroceria do Yaris que disputa a categoria S2000.

Matérias relacionadas

Gasolina pública: prefeitura começa a vender gasolina para reduzir os preços na cidade

Leonardo Contesini

Quadrilha faz blitz falsa em rodovia monitorada por câmeras

Leonardo Contesini

Pneus serão testados e etiquetados de acordo com eficiência pelo Inmetro

Leonardo Contesini