A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Eventos Lançamentos Notícias

Um Chevelle 1969 hot rod de 540 cv, dois Camaro nervosos e as atrações da Chevrolet no SEMA 2016

As grandes fabricantes americanas aproveitam o SEMA Show, em Las Vegas, para apresentar conceitos mais radicais e ousados baseados em seus carros de produção, algo que ficaria meio deslocado em um Salão do Automóvel comum. Conceitos como um Chevrolet Chevelle 1969 com um crate engine de 540 cv, que tal?

O Chevelle Slammer foi customizado pelo hot rodder Bobby Alloway, do Tennessee, e recebeu modificações estéticas até discretas, considerando as possibilidades: rodas de dezoito polegadas, suspensão a ar e pintura flake. A grande foi o único elemento cromado que restou, dando um aspecto muito mais limpo ao carro. Por dentro, foi aplicado couro vermelho e preto e instalado um volante moderno que, a nosso ver, destoa um pouco da cabine. O toque final foram os bancos do Chevrolet Camaro 2017.

chevrolet_chevelle_slammer_concept

O motor agora é um V8 LT376 de 6,2 litros, que já veio acoplado a uma caixa 4L75E de quatro marchas e toda a eletrônica necessária para fazer tudo funcionar direito – sendo um projeto desenvolvido pela fabricante, as coisas ficam mais fáceis.

chevrolet_chevelle_slammer_concept_1

As rodas, de 18 polegadas na dianteira e 20 polegadas na traseira, abrigam freios com pinças de seis pistões na dianteira e quatro pistões na traseira.

chevrolet_camaro_slammer_concept

chevrolet_camaro_slammer_concept_1

O Camaro SS Slammer, portanto, seria como sua versão moderna: a pintura é parecida, o interior também é vermelho e as rodas também são cromadas. No Camaro, contudo, são ainda maiores: 22 polegadas na dianteira e 24 polegadas (!) na traseira.

chevrolet_camaro_turbo_autox_concept_2

Já o Camaro Turbo AutoX entrega no nome: o motor do conceito é um 2.0 turbo Ecoboost, com injeção direta e 278 cv. Foi instalado um kit de cold air intake de carbono, e a ECU foi recalibrada pra distribuir melhor a força do motor ao longo da faixa de rotações. A transmissão é manual de seis marchas.

Além da pintura verde, o Camaro recebeu o kit de suspensão Chevrolet Performance, 20 mm mais baixo, com barras estabilizadoras mais grossas e amortecedores mais firmes. Os freios usam discos de 370 mm na dianteira, com pinças de seis pistões, enquanto a traseira traz pinças de quatro pistões.

As rodas de 20 polegadas trazem um desenho conceitual, que pode vir a ser utilizado pelos modelos de produção no futuro, e calçam pneus Goodyear de medidas 285/25. O para-choque dianteiro traz um tow hook funcional e novos elementos aerodinâmicos. Já o interior tem acabamento de couro preto e volante de camurça com base chata.

cq5dam.web.1280.1280

Mas não são só os muscle cars que marcam presença: os utilitários também! A picape S10, que nos EUA é chamada de Colorado, traz no conceito Z71 um veículo feito para que “surfistas transportem seus equipamentos com estilo”, segundo o release.

cq5dam.web.1280.1280 (1)

Feita em parceria com a Hurley, fabricante de equipamentos de surfe, acabou ficando com um jeitão meio militar por causa da cor, mas o visual é interessante.

A picape traz suportes para pranchas, suspensão elevada, skidplates, rodas de 17” e pneus Goodyear DuraTrac para off road, a fim de tornar a S10 capaz de atravessar terrenos remotos e difíceis em busca da onda perfeita. Por dentro, os bancos receberam revestimento impermeável.

chevrolet_trax_activ_concept_1

O apelo aventureiro segue com o Chevrolet Trax Activ. O SUVinho, que no Brasil é vendido como Tracker (e não recebeu a reestilização promovida no modelo americano no início de 2016), tem pintura cor de areia e molduras pretas nos para-lamas, além de suspensão elevada, bitolas alargadas e rodas de 18 polegadas calçadas com pneus off road.

chevrolet_trax_activ_concept

Os faróis e lanternas agora têm máscara negra, e foram instalados tow hooks na dianteira e um rack no teto, ampliando bastante a capacidade de carga.

chevrolet_cruze_hatch_rs_blue_line_concept

Para o hatchback Cruze RS, a Chevrolet preparou a linha de acessórios Blue Line, que será disponibilizada nos EUA nos próximo meses e, de acordo com a fabricante, reúne funcionalidade, estilo e esportividade.

Não espere modificações mais sofisticadas: o pacote inclui acabamento cromado na grade, molas esportivas e novos freios, coletor de admissão e coletor de escape. A suspensão fica 10 mm mais baixa e uma barra estabilizadora mais grossa é estabilizada na dianteira.

chevrolet_cruze_hatch_rs_blue_line_concept_1

Os freios ganham discos maiores, de 300 mm na dianteira e 276 mm na traseira, mais, ventilados e slotados. Fora os coletores, o motor 1.4 turbo de 153 cv permanece original.

Matérias relacionadas

Adeus, Defender: Land Rover se despede de seu icônico utilitário com três séries limitadas

Dalmo Hernandes

Mini Day no Box 54: veja como foi o encontro de Mini clássicos e modernos em São Paulo!

Juliano Barata

O que esperar do próximo Volkswagen Polo GTI?

Leonardo Contesini