FlatOut!
Image default
GT40 Classificados Zero a 300

Um raro Citroën XM todo original, um BMW 323Ti Compact com câmbio manual, um Alfa Romeo 145 Fivetech (!) e mais no GT40

Salve, pessoal! Hoje, excepcionalmente, a lista de anúncios de pessoa física do GT40 saiu um pouco mais tarde. Mas isto não a desabona – pelo contrário: esta edição está cheia de carros interessantes para quem tem um perfil entusiasta mais “aventureiro”, com alguns importados dos anos 90, projetos de engine swap, um SUV britânico cheio de presença e um clássico brasileiro.

Nas listas de anúncios de pessoa física, partimos dos mais antigos em direção aos mais recentes. Não é uma seleção! Portanto, aqui podem aparecer daily drivers, clássicos, preparados e personalizados que talvez não estariam numa seleção da equipe do FlatOut ou em um “Achados Meio Perdidos”, seja por questões de preço, de raridade ou de conformidade ao que geralmente publicamos em seleções ou no Achados. Pedimos para que tenham a maturidade de evitar excessos nos comentários.

 

img_329516_4_76c65009-ec18-44e5-bb56-f789ea7eda2d

Gosta do Citroën DS, o SM e do CX? Pois este aqui é o que veio depois: um Citroën XM, topo de linha da marca em 1997. O carro tem um V6 de três litros e 194 cv acoplado a uma caixa manual de quatro marchas, e é equipado com o famoso sistema de suspensão hidropneumática com esferas da marca francesa, e de acordo com o proprietário todos os equipamentos e recursos do carro funcionam perfeitamente, o que inclui o ajuste da suspensão. Trocas não são aceitas. [highlight]Clique para ver o anúncio.[/highlight]

 

img_333928_4_b0593d3b-7f06-47f6-a7d5-2a39104b926f

Se os seus seis cilindros têm que ser em linha e a tração precisa ser nas rodas de trás, talvez este hatchback amarelo lhe apeteça mais. Trata-se de um 323ti Compact E36 fabricado em 1999 e movido por um seis-cilindros de 2,5 litros com 170 cv e câmbio manual de cinco marchas. O dono diz que o hatchback é todo original, está com 105.000 km e que, apesar de algumas marcas de uso, está com toda a mecânica em dia e funciona muito bem. [highlight]Clique para ver o anúncio.[/highlight]

 

 

img_332924_4_036b452a-d347-406b-a47b-a7b0e72c8f23

Não é tão difícil encontrar um Chevrolet Chevette “Monzinha” inteiro como este. Difícil é que ele tenha câmbio automático de três marchas como este, que foi fabricado em 1986 e tem 93.000 km rodados. O carro é um SL com motor 1.6 a álcool e, segundo seu dono, está revisado e muito íntegro, com diversos detalhes originais, e tem estrutura muito bem preservada. Além disso, tem ar-condicionado e toca-fitas de época e pneus novos. [highlight]Clique para ver o anúncio.[/highlight]

 

img_329972_4_ef987f51-8da9-4ae5-b219-ff03a9de55b9

E que tal um hot hatch italiano na sua garagem? Este Alfa Romeo 145 Quadrifoglio pode sê-lo. Mas precisamos fazer uma observação: no lugar do quatro-cilindros 2.0 16v de 150 cv foi instalado um cinco-cilindros Fivetech de 2,4 litros, alimentado por um sistema de injeção programável FuelTech FT500. O proprietário afirma que o Alfa funciona perfeitamente e que é muito bem cuidado, com toda a manutenção em dia. [highlight]Clique para ver o anúncio.[/highlight]

 

img_332020_4_bf4f423e-ea0d-4d65-ac4e-32138cfa1a9f

Eis outro hatchback com engine swap. Este, porém, é um Chevrolet Corsa que originalmente vinha com motor 1.0 de 70 cv e câmbio com embreagem automatizada – seu dono colocou nele um 1.8 16v de 122 cv e um câmbio manual de cinco marchas tradicional. Além disso o carro é equipado com teto solar e sistema de som com comandos no volante. O proprietário também diz que o carro foi todo desmontado e repintado em um serviço muito bem feito. [highlight]Clique para ver o anúncio.[/highlight]

 

img_329572_4_c244d9ce-efc5-4432-bb41-043a90dc226e

E que tal este Mitsubishi Lancer? Entre os sedãs médios ele é um dos que mais atraem os entusiastas por sua ligação com o Evo, mas ele também tem outras qualidades, com motor 2.0 16v de 160 cv e câmbio manual de cinco marchas. O dono diz que o carro tem 69.000 km rodados, e que todas as revisões até os 60.000 km foram feitas em concessionária. O carro é bem equipado, com sensores de chuva e estacionamento, ar-condicionado, bancos de couro e cruise control. [highlight]Clique para ver o anúncio.[/highlight]

 

img_329864_4_f5ff451a-d2d0-4058-ab59-e7ad1dad4a15

Este está quase novo, ao menos pelo número marcado no hodômetro: pouco mais de 6.000 km rodados em um Chevrolet Cruze Sport6 2014. Na época do lançamento a Chevrolet fez questão de destacar o câmbio automático de seis marchas, que ainda não era onipresente no segmento. É uma versão interessante em termos de equipamentos, com ar-condicionado digital, central multimídia, sensor de estacionamento com câmera de ré, bancos de couro, controles de tração e estabilidade, 6 airbags, acionamento automático dos faróis e limpadores de para-brisa e piloto automático. [highlight]Clique para ver o anúncio.[/highlight]

 

img_330424_4_92ae02b4-5dd4-4ee5-9958-c29869eda55b

Procurando um SUV com pedigree? Eis um Land Rover Discovery 2006, versão HSE com motor V6 turbodiesel de 2,7 litros e 190 cv, tração 4×4 e câmbio automático de seis marchas. A lista de equipamentos é farta e inclui três tetos solares, som Harman Kardon com disqueteira para seis CDs e 12 alto-falantes, e até uma mini-geladeira. O dono diz que o Discovery tem 107.500 km rodados e que está muito bem conservado, tendo sido usado principalmente em viagens. [highlight]Clique para ver o anúncio.[/highlight]

 

img_330724_4_84673453-5085-4b63-b15e-b5e55ebca2ed

Agora, se você está a fim de um fora-de-série brasileiro, confira esta Puma GTE cupê 1979. O carro é descrito como “restaurado recentemente” traz algumas modificações visíveis, como para-choques na cor da carroceria, volante “tuning” e console central personalizado com alto-falantes. No geral parece um carro íntegro, com potencial para ser trazido de volta à originalidade caso desejado. [highlight]Clique para ver o anúncio.[/highlight]

 

img_332880_4_cfceaf4b-7439-41c8-b0c0-67fccc086a96

Por fim, temos um Dodge Journey 2010 que, segundo seu dono, tem 64.000 km rodados. Diferentemente da versão da Fiat, o Freemont, o Dodge Journey tem um V6 de 2,7 litros e 185 cv acoplado a uma caixa automática de seis marchas. O proprietário ainda afirma que o carro está em excelente estado de conservação e que não aceita trocas. [highlight]Clique para ver o anúncio.[/highlight]

 

Matérias relacionadas

Os carros de R$ 80.000 a R$ 90.000 mais legais anunciados no GT40

Dalmo Hernandes

Explore o incrível (e eficiente) sistema de transporte do Império Romano

Leonardo Contesini

Forza Horizon terá pistas de Hot Wheels, Aston Martin coloca seus clássicos para acelerar lado a lado, Nissan irá produzir peças novas para seus Skyline R32, R33 e R34 e mais!

Leonardo Contesini