Edição diária: 19/06/2019
FlatOut!
Image default
Zero a 300

Um Renault de polícia com motor de GT-R, adolescentes estão fazendo drinks com combustível de corrida nos EUA, Audi Q5 terá versão RS com 450 cv e mais!

Este é o Zero a 300, nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo, caro car lover. Assim você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere com a gente!

 

Renault lança conceito RS 01 em versão policial

Parece que a frota dos sonhos da polícia de Dubai está influenciando até mesmo os fabricantes de esportivos. Claro, a Lamborghini já faz isso há alguns anos com seus modelos dedicados aos Carabinieri, mas agora a Renault também entrou na onda com o Renault Sport R.S. 01.

O esportivo, que é um carro de pista equipado com o motor V6 biturbo do Nissan GT-R, foi transformado em um “police interceptor” para o mais novo clipe promocional da divisão esportiva da Renault. O velhinho ao volante do carro, que parece saído dos quadrinhos de Asterix é ninguém menos que Jean Ragnotti, piloto da fábrica na época do Grupo B. Sim, ele foi o cara que venceu o Rali de Monte Carlo de 1981 e as edições de 1982 e 1985 do Tour de Corse com o Renault 5 Turbo e Maxi Turbo.

Apesar do R.S. 01 ser um belo interceptador de hooners, infelizmente o modelo não será fabricado para a Gendarmerie como seus antecessores.

 

Adolescentes estão fazendo drinks com metanol nos EUA

Gas

A adolescência sempre é um período turbulento das nossas vidas simplesmente por ser uma fase de transição. Ainda não nos conhecemos bem, não temos confiança suficiente para auto-afirmação, nem vivência suficiente da realidade. Por isso é comum sermos mais inconsequentes nessa fase da vida e fazermos muitas besteiras. Mas uns garotos americanos simplesmente perderam totalmente a noção do perigo.

Em vez de misturar apenas bebidas alcóolicas com refrigerante, eles decidiram apelar para algo mais forte. Não estamos falando de cachaça, nem absinto ou álcool de cozinha: os debilóides acharam que seria uma boa ideia usar metanol misturado com Moutain Dew (um refrigerante cítrico bastante popular por lá, e vendido apenas em SP, RJ e Porto Alegre no Brasil). A consequências obviamente estão sendo catastróficas: dois adolescentes de 16 anos morreram e ao menos outros quatro tiveram uma grave intoxicação por beber a mistura. 

Batizada como “dewshine”, a mistura não é novidade: ela surgiu na época da Lei Seca americana, quando os produtores de bebidas alcóolicas ilegais (moonshiners) misturavam sua produção com refrigerantes para torná-las mais palatáveis. A ideia de misturar metanol, obviamente, vem do livre acesso ao combustível combinada à inconsequência típica da adolescência.

Caso você não saiba, o consumo de metanol tem como consequências mais brandas a perda da visão e coma alcoólico, e caso não seja tratada com urgência, a pessoa pode acabar morrendo. O etanol vendido nos postos brasileiros é menos perigoso, mas ainda assim tem potencial para causar coma alcóolico e, claro, a morte.

 

Nissan Sentra pode ganhar versão hatch

2016-nissan-sentra

O Nissan Sentra pode ganhar uma versão hatch para concorrer com o recém-apresentado Chevrolet Cruze hatch — ao menos nos EUA. A informação é do vice-presidente de planejamento de produtos da Nissan na América do Norte, Michael Bunce.

O executivo confirmou ao site Wards Auto que a Nissan está considerando a produção de uma versão hatch do Sentra para o mercado americano, além de uma maior variedade de motores. A marca já ofereceu uma versão hatch do Sentra no passado, mas acabou tirando o modelo de linha pela baixa demanda. Contudo, os hatchbacks voltaram a ser desejados pelos americanos, e por isso a Nissan irá observar o desempenho do Chevrolet Cruze hatch por lá para decidir se vai ou não produzir um concorrente para o GM.

 

Audi está preparando versão RS para o Q5

Audi-SQ5-Plus-0

 

A linha RS da Audi está prestes a ganhar mais um integrante: o Q5. A versão mais radical do SUV já está sendo desenvolvido pela Quattro ao lado da nova geração do RS4.

Os dois modelos não estão sendo desenvolvidos juntamente por acaso: ambos vão usar o mesmo V6 biturbo de três litros com potência superior a 450 cv. O motor irá substituir o atual V8 4.2 aspirado, e também será adotado pela segunda geração do RS5.

A Audi acredita que o Q5 RS terá o mesmo apelo comercial que o RS Q3. Veja o que o presidente da Audi, Rupert Stadler, disse aos britânicos da Autocar: “Identificamos uma crescente demanda por SUVs de alto desempenho em todos os nossos principais mercados. Quando lançamos o RS Q3, esperávamos que ele se saísse bem, mas as vendas superaram nossas expectativas. Acho que podemos repetir isso com um modelo maior e mais potente”.

O modelo será produzido na nova fábrica da Audi no México, e será lançado no final de 2017.

 

Matérias relacionadas

Estes novos guard-rails com roletes de borracha podem salvar vidas na estrada

Dalmo Hernandes

Ford revela mais sobre o Mustang GT350, um test-drive com a Ferrari California T em Mônaco, dois carros de F1 à venda e mais!

Leonardo Contesini

Renault Sandero RS lançado no Brasil, Senado Federal renova frota, Audi R8 LMS à venda, o desenvolvimento do Alfa Giulia e mais!

Leonardo Contesini