FlatOut!
Image default
História

Um sonho de 2.220 km/h: a história do Concorde, o avião mais rápido que o som

Há pouco mais de 15 anos, um carro 1.6 era mais lento e consumia mais combustível que um carro 1.6 atual. Um computador de mesa processava menos dados que o celular que está agora no seu bolso, a internet era mais lenta e nossas músicas ocupavam um canto da sala em vez de alguns bytes na memória do mesmo smartphone que está no seu bolso. Essa é a lógica do desenvolvimento: alguém inventa algo novo, que substitui algo velho até que o novo fique velho também, e acabe substituído por algo mais n

Matérias relacionadas

Tuning de antigamente: os estilos e acessórios automotivos que marcaram época nos anos 1970 e 1980

Dalmo Hernandes

Hofmeister Kink: a história do detalhe que faz a diferença em todo BMW

Dalmo Hernandes

Cheetah: o rival peso-pena para o Shelby Cobra que quase ninguém conhece

Dalmo Hernandes