A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
História

Uma breve história das Utes , o maior símbolo da cultura automotiva australiana

Nas primeiras décadas do século passado os carros não eram onipresentes nas ruas, e os fabricantes de automóveis ainda não eram conglomerados bilionários. Sendo assim, uma simples carta de um cliente poderia realmente mudar algumas coisas em um carro. Foi exatamente assim que surgiu o veículo símbolo da cultura automotiva australiana: a Ute. O ano era 1932, e a história conta que a mulher de um fazendeiro, cansada de se sujar a caminho da missa no domingo por u

Matérias relacionadas

O francês esquecido: o renascimento do Matra M630S depois de 40 anos

Leonardo Contesini

“Le Mans”: quando Steve McQueen quase foi expulso do próprio filme por ser teimoso demais

Dalmo Hernandes

Os 80 anos do Kadett e as versões mais bacanas que não tivemos aqui

Dalmo Hernandes