Uma Parati CL 1990 conservadíssima, uma Silverado turbodiesel de 400 cv, um Escort XR3 1.8 bem original e mais no GT40

Equipe FlatOut 14 setembro, 2018 0
Uma Parati CL 1990 conservadíssima, uma Silverado turbodiesel de 400 cv, um Escort XR3 1.8 bem original e mais no GT40

Salve, pessoal! Como vai a sexta-feira de vocês? Pois a nossa vai bem – e é dia de mais uma lista de anúncios de pessoa física do GT40. Se você gosta de peruas, esportivos com motor V8, clássicos nacionais e picapes de respeito, certamente vai encontrar aqui algo que te agrade!

Aquele lembrete básico: nas listas de anúncios de pessoa física, partimos dos mais antigos em direção aos mais recentes. Não é uma seleção! Portanto, aqui podem aparecer daily drivers, clássicos, preparados e personalizados que talvez não estariam numa seleção da equipe do FlatOut ou em um “Achados Meio Perdidos”, seja por questões de preço, de raridade ou de conformidade ao que geralmente publicamos em seleções ou no Achados. Pedimos para que tenham a maturidade de evitar excessos nos comentários.

 

img_335700_4_8ca5d560-b200-4a3c-8aee-30daa550129f

Começando com um carro cheio de potencial para quem quer uma perua old school legitimamente nacional: uma VW Parati CL 1990, equipada com o motor CHT 1.6 a gasolina de 76 cv, fruto da Autolatina. O dono diz que a Parati está com a mecânica original e revisada e está em excelente estado de conservação – de fato parece um carro muito bem conservado. A Parati ainda tem rádio moderno com alto-falantes 6×9 e volante do modelo Surf, mas o proprietário deixa claro que o volante original acompanha o carro. Clique para ver o anúncio.

 

img_334156_4_1d231f6b-2f86-43ae-9cb0-25a67466a7c7

Se o seu negócio é algo mais brutal, uma pedida mais apropriada é esta Chevrolet Silverado D20 2000, customizada e preparada: além do envelopamento em cinza matte, a picape teve a dianteira original trocada pela grade, para-choque e faróis da GMC Sierra norte-americana. As rodas são Binno com tala de 10” com pneus 295 novos. Já o motor é um MWM a diesel com turbina Master Power, cabeçote novo e injetores de competição para entregar 400 cv, acoplado a uma caixa manual. Clique para ver o anúncio.

 

img_336228_4_34d50281-bb26-4c96-857f-7d2300c5c794

Este é um Ford Escort XR3 1991, com motor AP 1.8 8v, que segundo seu proprietário tem pouco mais de 113.000 km rodados e está em ótimo estado de conservação e com alto nível de originalidade, com boa parte da pintura ainda original ainda que tenham sido feitos alguns retoques de funilaria e pintura. O dono também diz que a suspensão do carro é toda nova e que toda a parte mecânica está em dia. Clique para ver o anúncio.

 

img_334520_4_ca1281b2-cd9c-4bec-b421-9047747833a5

Recentemente a Toyota apresentou a nova versão perua do Corolla, que não tem data para chegar ao Brasil. Mas a gente pode comprar a versão perua da nona geração, a famosa Fielder, que foi fabricada no Brasil entre 2004 e 2008 e caiu nas graças dos entusiastas por aliar as boas características do sedã (robustez, espaço interno e acabamento) a uma carroceria mais prática e atraente. O motor é o 1.8 16v de 136 cv que podia vir com câmbio manual de cinco marchas ou automático de quatro marchas – caso deste exemplar, que segundo seu proprietário tem cerca de 146.500 km rodados e está em ótimo estado de conservação. Ele observa que as rodas originais de   Clique para ver o anúncio.

 

img_337080_4_fb3f3459-dccb-41e0-a68f-22755ec582b2

Interessado em um sedã grande, espaçoso e bem equipado com preço acessível e mecânica conhecida? Este Ford Mondeo 2004 é equipado com o mesmo quatro-cilindros Duratec de dois litros com comando duplo no cabeçote e 143 cv usado no Ford Focus, acoplado a uma transmissão automática de quatro marchas. O dono deste exemplar diz que o carro tem 90.000 km rodados e que é um carro íntegro e bem conservado, sempre com manutenção em dia. É equipado com ar-condicionado digital e disqueteira para 6 CDs, cruise control e bancos revestidos em couro e suede. Clique para ver o anúncio.

 

img_335864_4_c621a5aa-e6e8-44c3-95b1-df9e83953360

Este é um Chevrolet Corvette C4 1991, pós-facelift, com formas mais arredondadas na dianteira e na traseira e interior totalmente reformulado – cujo design foi a inspiração para o interior do Corvette atual. O carro tem um V8 small block de 5,7 litros com comando no bloco e 250 cv, acoplado a uma caixa automática de quatro marchas – um conjunto capaz de levá-lo até os 100 km/h em menos de 6 segundos, com máxima de superior a 200 km/h. O carro tem menos de 50.000 milhas (aproximadamente 80.000 km) marcadas no hodômetro e, de acordo com o proprietário, é todo original e tem poucas marcas do tempo para um automóvel que já completou seus 30 anos. Clique para ver o anúncio.

 

img_337032_4_7203002f-7914-4a40-800e-2ed924d423a3

Contraparte da Dodge para o Fiat Freemont, o Journey R/T tem um conjunto muito mais interessante: um V6 Pentastar de 3,6 litros e 280 cv acoplado a uma caixa automática de seis marchas que leva a força para as quatro rodas. O SUV vai de zero a 100 km/h em 9,5 segundos, com máxima de 208 km/h. O proprietário deste exemplar fabricado em 2015 diz que o Journey tem pouco mais de 40.000 km rodados e que lhe foi aplicada uma película anti-vandalismo. Clique para ver o anúncio.

 

img_334080_4_325f6a63-bf31-4476-a142-31c506cdef2e

O atual proprietário deste Ford New Fiesta SE 2012 diz que comprou o carro de seu primeiro proprietário com 69.000 km rodados. Hoje com 119.500 km declarados, o carro tem motor 1.6 16v de 115 cv e câmbio manual de cinco marchas. Segundo o dono, o carro é todo original, está com a manutenção perfeitamente em ordem e passou por sua revisão mais recente aos 117.000 km. Clique para ver o anúncio.

 

img_336316_4_098303ed-0d18-47e7-a9ab-19216d6113cd

Este Ford Focus GLX também foi fabricado em 2012 e, por pouca coisa a mais, entrega uma carroceria maior, interior mais espaçoso e um motor mais potente – o 2.0 16v Duratec de 147 cv, também acoplado a uma caixa manual de cinco marchas. Seu dono diz que comprou o carro zero km e, que desde então rodou 153.000 km com ele, sempre realizando todas as revisões em dia e rodando na maior parte do tempo em rodovias. Clique para ver o anúncio.

 

img_334620_4_269d9ed7-e342-4ec2-8b7b-37c4d121cdb4

Por fim, temos um Toyota Corolla XEi 2007, com motor 1.8 16v de 136 cv, câmbio manual de cinco marchas e cerca de 153.000 km rodados, segundo seu dono. Ele diz que o sedã tem alguns detalhes a acertar, como um problema no marcador de combustível e detalhes de funilaria, mas que no mais está bem conservado e com manutenção em dia. Clique para ver o anúncio.