A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
GT40 Classificados Zero a 300

Uma Veraneio Custom turbodiesel “zerada”, um Lada Laika SW restaurado, uma rara Dodge Ram Van V8 e mais no GT40

E aí caros leitores, tudo certo? Sejam bem vindos a mais uma lista de anúncios de pessoa física do GT40, dando sequência à ordem cronológica iniciada na primeira de todas as listas. Por coincidência a maioria dos carros que aparecem aqui hoje é de clássicos brasileiros, com alguns importados exóticos e seminovos com vocação para daily driver para equilibrar as coisas. Variedade é uma das marcas dos classificados do FlatOut!

Nas listas de anúncios de pessoa física, partimos dos mais antigos em direção aos mais recentes. Não é uma seleção! Portanto, aqui podem aparecer daily drivers, clássicos, preparados e personalizados que talvez não estariam numa seleção da equipe do FlatOut ou em um “Achados Meio Perdidos”, seja por questões de preço, de raridade ou de conformidade ao que geralmente publicamos em seleções ou no Achados. Pedimos para que tenham a maturidade de evitar excessos nos comentários.

 

img_262320_4_5b49a941-2129-4a97-829e-83f2ac2d3df9

Começando em grande estilo – literalmente, com os 5.340 mm de comprimento desta Chevrolet Veraneio Custom, fabricada em 1993 e feita com base na Chevrolet D20. O motor é o consagrado Maxion S4T 4.0, turbodiesel de quatro cilindros com intercooler, 150 cv e generosos 46,5 mkgf de torque. A tração é traseira e o câmbio, manual de cinco marchas. De acordo com seu proprietário o SUV tem 185.000 km rodados, é de segundo dono e está muito bem conservada para um carro nunca restaurado: a pintura está bonita, o interior está preservado e a mecânica, revisada. [highlight]Clique para ver o anúncio.[/highlight]

 

img_291148_4_2a46f735-93f2-44ab-b6fd-a4ef06644912

Uma boa parcela dos que leem o FlatOut nutre mais do que simpatia pelo Lada Laika. Se você se inclui nesta, dê uma olhada neste exemplar da versão perua, modelo 2104. De acordo com seu dono o carro foi restaurado por completo – funilaria, pintura, interior e mecânica – e teve a suspensão rebaixada e legalizada. O carro também teve o motor 1.6 original aberto para 1.7 pelo uso de pistões de maior diâmetro e recebeu alguns itens novos, como carburador, faróis e lanternas, importados da Rússia. [highlight]Clique para ver o anúncio.[/highlight]

 

img_259960_4_b2c1dc7f-9573-4b56-992b-fb14bb6f365e

Se quer algo realmente diferente, esta Dodge Ram Van 1983 talvez seja o que você procura. Modelo de passageiros, a van tem um V8 de 5,2 litros debaixo do capô (provavelmente um V8 Magnum, evolução do V8 318 usado nos Dodge nacionais), câmbio automático e tração integral. Parece um veículo íntegro estruturalmente, embora precise de uma boa restauração, e dificilmente você topará com outro exemplar rodando por aí. [highlight]Clique para ver o anúncio.[/highlight]

 

img_262192_4_7565c769-e417-4d5b-9bc9-190c42f04168

Esta é uma Puma GTE 1600S – como o nome diz, equipada com um boxer VW de 1,6 litro e 70 cv. O fora-de-série feito sobre a base do Fusca é um cupê, mais raro de encontrar à venda do que os modelos abertos. O proprietário garante que o carro está em ótimo estado e, pelas fotos, nota-se que que é um exemplar bastante íntegro, embora não fique claro se o mesmo já foi restaurado ou não. Fabricada em 1974, a Puma já não tem as lentes de acrílico sobre os faróis como os carros mais antigos, mas as lanternas ainda são as clássicas do VW TL, e não as da Kombi usadas nos exemplares mais novos. [highlight]Clique para ver o anúncio.[/highlight]

 

img_259932_4_e9b5797d-a992-443d-8db2-9e7e3632f3b4

Esta é um Ford F-100 1975, modelo Luxo com motor V8 292 de 4,8 litros e 190 cv igual ao utilizado pelo Ford Galaxie da época. Segundo seu dono, a picape teve o motor todo refeito, incluindo a troca do virabrequim e dos casquilhos, e também recebeu freios novos. O câmbio, por sua vez, é manual de três marchas com alavanca na coluna. Apesar das marcas do tempo, a F-100 aparenta estar bastante íntegra e original. [highlight]Clique para ver o anúncio.[/highlight]

 

img_260552_4_55158d90-66fc-499b-b3b5-7bf1e7eac8c9

Aqueles que estão atrás de um sedã alemão dos anos 90, elegante e refinado, devem conferir este Mercedes-Benz C180 1998. A versão é equipada com um quatro-cilindros de 1,8 litro com cabeçote de 16 válvulas e 122 cv, além de uma caixa automática de cinco marchas. O proprietário diz que o C180 tem 137.000 km rodados e não dá maiores detalhes, mas comenta que o estado de conservação é “impecável”. [highlight]Clique para ver o anúncio.[/highlight]

 

 

img_262392_4_c54bb545-b819-4b8d-9c38-d0df3e73ba3b

Fabricada em 1975, esta Kombi pick-up “corujinha” de cabine simples foi completamente restaurada e customizada. O motor é um boxer 1500 de 52 cv, e a perua recebeu rodas maiores inspiradas nas clássicas Fuchs. O proprietário diz que as rodas originais, com pneus novos, estão guardadas. As fotos deste anúncio estão bem caprichadas, valorizando o trabalho realizado na picape. [highlight]Clique para ver o anúncio.[/highlight]

 

img_262456_4_d0b98330-72e7-4396-8d86-3e2895c87b91

Quem conhece a fama de robustos dos Honda da década de 1990 e está a fim de um cupê grande e bem equipado talvez se interesse por este Honda Accord 1996. O carro tem motor F22, quatro-cilindros de 145 cv que possui certo parentesco com o motor do roadster S2000, e câmbio automático de quatro marchas. É equipado com teto solar, ar-condicionado, travas e vidros elétricos, ABS, e conjunto de airbags. O carro tem 159.000 km declarados, e o proprietário afirma que está revisado, licenciado e bem conservado. [highlight]Clique para ver o anúncio.[/highlight]

 

img_260220_4_2265b465-8185-48f8-8594-9941149b1d45

Fabricada em 2012, esta VW Saveiro Cross de cabine estendida é bem pouco rodada para sua idade: segundo seu dono, tem pouco mais de 22.000 km rodados. Ele ainda diz que o estepe jamais foi usado e que todas as revisões foram feitas em concessionária. A versão Cross é equipada com ar-condicionado, direção hidráulica, sensores de estacionamento, volante ajustável e computador de bordo, entre outros itens. O motor usado na época ainda era o 1.6 de 104 cv, acoplado a uma caixa manual de cinco marchas. [highlight]Clique para ver o anúncio.[/highlight]

 

img_261100_4_c39934dd-347c-41c6-bb35-cfebd0b6f9f5

Por fim, eis uma pequena perua francesa: uma 207 SW XS fabricada em 2011 e, segundo o proprietário, com 90.000 km rodados. A versão XS tinha motor 1.6 16v de 113 cv e, como opcional, câmbio automático Tiptronic de quatro marchas. Além disso, é equipada com rádio Pioneer com conexão Bluetooth, computador de bordo, sensores de chuva e de ré, faróis com acendimento automático e computador de bordo. Os pneus, de acordo com o dono, são novos. [highlight]Clique para ver o anúncio.[/highlight]

 

Matérias relacionadas

Semana Nissan no GT40: todos os veículos da marca poderão anunciar na faixa até a próxima terça-feira

Juliano Barata

Do Mini Cooper ao McLaren F1: os carros (e as corridas) de Rowan Atkinson

Dalmo Hernandes

VW está fazendo SUV Amarok, um caminhão Volvo de 2.400 cv, o Audi RS3 Sedan em ação e mais!

Leonardo Contesini