A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Car Culture

Você nunca ouviu um quatro-cilindros roncar como o Alfa Romeo 4C

Não é fácil fazer um motor de quatro cilindros roncar bonito, mas isso não parece ser um problema para os italianos da Alfa Romeo. Se você acha que o downsizing está matando os roncos de motor, é melhor ouvir o que o Alfa Romeo 4C tem a dizer.

Você sabe, o ronco de um carro não depende apenas do calibre do escape que aparece lá na ponta traseira. Ele é o resultado da combinação do som do funcionamento mecânico com o fluxo do ar por todo o motor — do sistema de admissão (coletor, filtros, caixa de ressonância, tamanho da borboleta), ao coletor de escape e todo o resto do sistema de exaustão, e até mesmo as características do cabeçote.

Nos motores de quatro cilindros em linha, a admissão geralmente é restrita para produzir mais torque em baixa rotação, o escape tende a usar abafadores generosos e o fluxo também é restrito como na admissão.  Mas esse não é o caso do Alfa Romeo 4C. Além da admissão turbinada, a afinação do motor 1.75 turbo segue a tradição da marca, com coletores dimensionados para o desempenho mais esportivo e, claro, para roncar bonito. O ronco do do pequeno esportivo  ficou grave e rasgado como os bons V6 do passado. Compare os vídeos:

O que acharam?

Matérias relacionadas

Flat-4: a história dos Porsche com motores de quatro cilindros

Leonardo Contesini

British Racing Green: a história da clássica pintura verde dos carros de corrida britânicos

Leonardo Contesini

“Riding shotgun”: estes malucos usaram um Porsche 911 Targa como alvo móvel!

Dalmo Hernandes