A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Zero a 300

Gasolina deve chegar a R$ 3,50 a partir de domingo, Nissan lança March com três cilindros, Ford pode estar preparando Fiesta RS e mais!

Este é o Zero a 300, nossa rica mistura das principais notícias automotivas (ou não) do Brasil e de todo o mundo, caro car lover. Assim, você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere com a gente!

 

Governo publica decreto que aumentará preço da gasolina

15931142

O governo federal publicou na última quinta-feira (29) o decreto que aumenta os impostos sobre os combustíveis a partir de domingo, 1º de fevereiro. Ele determina o reajuste da alíquota de PIS/Cofins e a volta da cobrança do Cide que, juntos resultarão em um aumento de R$ 0,22 por litro de gasolina e R$ 0,15 por litro de diesel nas refinarias. Segundo o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, o reajuste para o diesel é menor pois ele é mais usado na cadeia produtiva.

A Petrobras, por sua vez, anunciou que não irá absorver o aumento dos tributos e irá repassá-lo para as distribuidoras — a decisão de absorver ou não ficou a cargo da estatal. Com o repasse, o preço médio da gasolina nas bombas deve ficar entre R$ 2,90 e R$ 2,49, segundo o Conselho Nacional de Política Fazendária. O diesel deve variar entre R$ 2,44 e R$ 3,22. O aumento dos combustíveis no Brasil acontece em meio a uma queda no preço do barril de petróleo no mercado internacional devido à operação deficitária da Petrobras durante 2014, quando o preço praticado no exterior era maior que o preço vendido pela estatal no mercado interno. Leia mais sobre o caso em nossos posts passados sobre o tema.

 

Nissan apresenta March com motor 1.0 de três cilindros

newmarch-barata-6

Depois de anunciar o novo Versa com motor três cilindros, a Nissan apresentou nesta quinta-feira (29) a nova linha do New March para 2015 equipada com o mesmo powertrain. O novo motor 1.0, batizado HR10, usa quatro válvulas por cilindro e produz 77 cv de potência e 10 mkgf de torque com gasolina ou etanol. Ele é, basicamente, o motor HR12 1.2, usado pela Nissan na Europa e na Ásia, com cilindrada reduzida para se adequar à faixa do IPI para “populares”.

Com o novo motor equipando o March, a Nissan espera alcançar os rivais que já oferecem os econômicos motores de três cilindros, como o Ford Ka, o Hyundai HB20 e o Volkswagen up! e Fox. No programa de etiquetagem veicular do Inmetro, o New March com o motor 1.0 12v conseguiu médias de 8,8 km/l na cidade e 10,3 km/l na estrada com etanol, e 12,9 km/l e 15,1 km/l com gasolina.

nissan-march-2

 

O modelo parte de R$ 35.990 na versão de entrada, batizada “Conforto” e equipada com ar-condicionado e direção elétrica de série. Em seguida vem a versão 1.0 S, de R$ 37.990, que acrescenta à lista trio elétrico e controle remoto nas chaves. A versão mais completa, a 1.0 SV sai por R$ 40.990 e ganha rádio com Bluetooth e volante multifuncional, faróis de neblina, spoiler traseiro e rodas de liga leve de 15 polegadas.

O modelo 1.6 tem as mesmas versões e listas de equipamentos do 1.0, e ainda tem a versão exclusiva SL, que vem equipada com ar-condicionado digital, GPS com conexão de redes sociais, câmera de ré e rodas de 16 polegadas. A nova linha do Nissan March começa a ser vendida somente em março no Brasil.

 

Ford pode estar preparando Fiesta RS

186ipem8hxhxyjpg

Enquanto o mundo gearhead espera ansiosamente o lançamento do Focus RS, a Ford decide aumentar ainda mais a ansiedade dos fãs de hot hatches. Segundo os britânicos da Autocar, a fabricante está preparando uma versão RS para o Fiesta. Como vimos anteriormente, a Ford Performance pretende lançar 12 novos modelos até 2020 — quatro deles já conhecidos: o novo GT, o Focus RS, o Mustang GT350R e a F-150 Raptor. O quinto modelo poderá ser o novo Fiesta RS.

Em entrevista à Autocar, o chefe da Ford Performance, Tyrone Johnson, confirmou que a empresa está trabalhando em uma versão com desempenho ainda mais esportivo do Fiesta que podeá ser um produto de sua divisão. Ele não afirmou se o novo Fiesta será um upgrade do Fiesta ST ou um modelo RS, mas garantiu que o novo modelo será baseado na atual geração — o que significa que ele deve aparecer nos próximos meses. Além disso, ao definir as diferenças entre os modelos ST e RS, Johnson afirmou que os ST são considerados versões “aprimoradas” de modelos existentes, enquanto os RS são modelos de “alto desempenho”. Podemos assumir que ele confirmou o Fiesta RS sem confirmar, não?

 

Lamborghini Aventador SV é flagrado sem disfarces

Lamborghini-Aventador-SV-30

Um Lamborghini Aventador com o nome SV nas laterais foi flagrado em testes pelo pessoal do Carscoops, e segundo o site, o modelo parece ser o próprio Aventador SV em testes. A julgar pelas fotos, o modelo ganhou um upgrade aerodinâmico radical, com um enorme difusor na traseira uma asa igualmente grande e fixa no lugar da asa móvel do modelo base. As rodas usam cubo rápido e pneus visivelmente mais largos, tornando o Aventador ainda mais intimidador.

Lamborghini-Aventador-SV-6

Como se sabe, SV é a sigla para Super Veloce, ou “Super Veloz” em tradução literal. Ela é aplicada aos modelos mais radicais da linhagem V12 da Lamborghini, e estreou no Miura logo no começo dos anos 1970. Depois dele, Diablo e Murciélago ganharam suas versões super velozes — este último com 670 cv produzidos por seu V12 de 6,5 litros, um aumento de 30 cv que foi combinado a uma redução de 100 kg no peso. Por isso, espera-se que o Aventador SV receba upgrades semelhantes, chegando a mais de 750 cv. O número exato, contudo, só saberemos quando o carro for lançado, o que deve acontecer no Salão de Genebra, em março.

Lamborghini-Aventador-SV-9 Lamborghini-Aventador-SV-10

 

Toyota anuncia retorno ao WRC em 2017

Toyota-Yaris-WRC-1

A Toyota Motorsport GmbH (TMG) anunciou que irá voltar ao WRC a partir de 2017 com o Yaris WRC, desenvolvido e construído no centro técnico da empresa em Colônia, na Alemanha — onde também foi a sede da equipe de Fórmula 1 da marca (leia mais sobre a veia automobilística da Toyota aqui).

Toyota-Yaris-WRC-4

O anúncio foi feito pelo próprio Akio Toyoda — presidente da Toyota, gearhead de carteirinha e piloto nas horas vagas — no evento de apresentação do Yaris WRC, já pintado com as cores que irá disputar o mundial. O modelo já completou seu primeiro programa de testes em estágios de asfalto e cascalho na Europa, e agora entrará em uma segunda etapa de testes ao longo dos próximos dois anos. Em sua primeira incursão no mundial de Rali, nos anos 1980 e 1990, a Toyota faturou nada menos que quatro títulos de pilotos e três de construtores com os pilotos Carlos Sainz, Juha Kankkunen e Didier Auriol a bordo dos Celica Twin-cam Turbo, Celica GT-Four e Corolla WRC.

Matérias relacionadas

Uma perua Volvo turbinada, um Renault Clio turbo forjado, uma Marea Weekend 5-cilindros e mais no GT40

Dalmo Hernandes

Fiat Panda: a história o irmão mais velho (e mais valente) do Uno

Dalmo Hernandes

Toyota GT86 ganha versão shooting brake, TVR divulga primeira imagem de seu novo modelo, PM faz operação contra rachas em SP e mais!

Leonardo Contesini