Jovem é condenado a seis meses de prisão por roubar uma peça do Porsche Carrera GT de Paul Walker

Dalmo Hernandes 15 agosto, 2014 95
Jovem é condenado a seis meses de prisão por roubar uma peça do Porsche Carrera GT de Paul Walker

Já faz quase um ano que Paul Walker, o Brian O’Conner da saga “Velozes e Furiosos”, morreu em um acidente terrível com um raro Porsche Carrera GT. As circunstâncias da morte do ator, que estava no banco do carona, ainda são um tanto nebulosas: o laudo oficial diz que seu amigo Roger Rodas, que dirigia o carro, estava bem acima do limite de velocidade — informação contestada pela viúva de Rodas.

pwalker (2)

Uma coisa, porém, é certa: um jovem que roubou uma peça do Porsche destruído vai passar seis meses na cadeia por isso.

A notícia só veio à tona ontem (14), depois do julgamento do californiano Jameson Witty, de 18 anos. Na noite do dia 30 de novembro (quando aconteceu o acidente), por volta das 22 horas, a polícia já havia terminado de realizar as investigações no local e um caminhão guincho estava levando o que havia sobrado do carro para longe dali.

Quando o caminhão parou em um sinal vermelho, dois jovens que o seguiam desceram de seu próprio carro e correram em direção ao Porsche. Eram Witty e seu amigo, que acharam que seria uma boa ideia furtar algumas peças do teto do carro — e assim fizeram.

O caso é que a ação foi toda filmada por uma testemunha — a filmagem pode ser vista no vídeo acima — e, depois de praticar o furto, Witty postou uma foto do produto de seu crime “inofensivo” no Instagram:

insta

Acontece que, de inofensiva, a atitude da dupla não teve nada: além de, obviamente, pegar para si algo que não era deles, os dois roubaram uma peça de um carro que seria periciado, o que implica em atrapalhar investigações e destruir provas e obstruir o trabalho dos policiais.

O motorista do caminhão viu os jovens no momento do roubo e dirigiu direto para a delegacia mais próxima a fim de registrar a queixa. De acordo com o Daily Mail, os registros policiais dizem o seguinte:

Em um determinado momento o motorista do caminhão parou em um sinal vermelho (…). Uma testemunha viu um homem sair de um veículo que estava seguindo o caminhão. O homem pegou um pedaço do Porsche destruído na plataforma do caminhão. O homem saiu dirigindo com a peça roubada.

Witty foi preso por roubo e, depois de pagar uma fiança de US$ 20 mil (cerca de R$ 45 mil), pôde aguardar o julgamento em liberdade. A sentença veio na última quinta-feira (14): condenado, ele passará seis meses na prisão. Seu cúmplice, um jovem de 25 anos que mora fora da Califórnia, provavelmente terá o mesmo destino — caso seja encontrado.

O que Witty queria com as peças? Talvez atenção ao postar fotos na internet ou vendê-las por um bom dinheiro… não se sabe. O que se sabe é que o que ele fez — roubar uma peça de um carro acidentado — não se faz. Ainda mais se for o Porsche Carrera GT do Paul Walker a caminho da perícia policial.