Edição diária: 20/06/2019
FlatOut!
Image default
Zero a 300

Mercedes-AMG Project One começa a ser revelado, Bugatti vai de zero a 400 km/h a zero em 42 segundos, o novo 911 GT3 Touring Package e mais!

Este é o Zero a 300, nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo, caro car lover. Assim você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere com a gente!

 

Mercedes-AMG Project One agora tem uma traseira

Höhepunkt des Jubiläums 50 Jahre AMG: Mercedes-AMG Project ONE auf dem Weg zur IAA

Diferentemente de praticamente todos os lançamentos dos últimos anos, o Mercedes-AMG Project One não teve uma overdose de teasers, nem uma montanha de especulações e muito menos foi flagrado em testes. Tudo o que vimos sobre o hipercarro alemão até agora foi um desenho minimalista estilizado de sua silhueta, algumas fotos do conjunto mecânico e nada muito além disso.

Agora, com a apresentação do modelo se aproximando, a Mercedes começou a preparar o terreno, aumentando o suspense com um teaser que não mostrava nada da dianteira e, nesta segunda-feira (11), um teaser que mostra boa parte da traseira.

amg-1504214008

Pela primeira vez estamos vendo a cobertura do motor, que tem respiros aletados como na F40, com dois dutos NACA imensos ladeando o duto de admissão em forma de scoop sobre o teto. A saída de escape, como o carro de F1 de Hamilton e Bottas, usa três saídas: uma grande, conectada à saída do turbocompressor, e outras duas menores, controladas pela válvula wastegate. As lanternas são minimalistas como os faróis, e também divididas em três segmentos.

Como já vimos anteriormente, o AMG Project One é o “bolo de aniversário” dos 50 anos da divisão esportiva, e terá cerca de 1.000 cv produzidos pelo motor 1.6 turbo e seus auxiliares elétricos. Serão produzidas apenas 275 unidades do carro, e a apresentação acontecerá nos próximos dias no Salão de Frankfurt.

 

Bugatti Chiron vai de zero a 400 km/h e volta ao zero em 42 segundos

bugatti-chiron-1

 

Já faz mais de um ano que o Bugatti Chiron foi lançado, mas somente agora a fabricante francesa decidiu colocar seu desempenho recordista à prova. Ele ainda não foi levado à pista de Ehra-Lessien para descobrir sua velocidade máxima, mas já mostrou que é superior ao seu irmão mais velho, o Veyron, em um teste de aceleração e frenagem que poucos carros no planeta conseguem repetir.

Com Juan Pablo Montoya ao volante, o Chiron arrancou da imobilidade, chegou aos 400 km/h e em seguida parou completamente em apenas 41,96 segundos e em uma distância de 3.112 metros.

bugatti-chiron-2

A marca dos 400 km/h foi atingida aos 32,6 segundos, em 2.621 metros, o que significa que a frenagem precisou de 9,36 segundos e 491 metros. Segundo a Bugatti, este é o tempo mais baixo já registrado neste tipo de manobra por um carro produzido em série, e o recorde “representa o primeiro passo em um novo recorde de velocidade máxima”, cuja tentativa será realizada em 2018.

bugatti-chiron-5

O teste foi supervisionado e certificado pela SGS-TUV Saar, uma empresa especializada em inspeção, testes, verificações e certificação e o resultado será um dos destaques da Bugatti em Frankfurt.

bugatti-chiron-7

A Bugatti também fez questão de ressaltar que Montoya “dispensou” o capacete e todo o aparato de segurança pessoal para o teste, como forma de mostrar que o carro é confortável e seguro. Além disso, o piloto colombiano quebrou seu recorde pessoal de 407 km/h (atingidos com um carro da Indy) ao chegar aos 420 km/h com o Chiron.

Montoya também disse que espera ser convidado pela Bugatti para a tentativa de recorde de velocidade. “Estou reservando a data na minha agenda”, disse.

 

 

Renault Kwid está vindo com cintos montados errados? Recall_Renautl_Kwid_3-770x433

Com uma fila de espera de quase quatro meses, a Renault está fazendo o impossível para dar conta da demanda pelo Kwid. E isso parece ter afetado a qualidade da construção do compacto. Segundo o camarada Gustavo Henrique Ruffo, do Motor Chase, algumas unidades do Kwid saíram da fábrica com os engates dos cintos de segurança traseiros montados na posição errada.

Recall_Renautl_Kwid_8-770x433

De acordo com Ruffo, além da unidade fotografada pelo site, outras unidades verificadas em concessionárias também tinham o sistema montado errado. Como resultado, os cintos traseiros acabam cruzados, o que afeta o funcionamento correto dos cintos e pode prejudicar ou até impossibilitar a saída dos passageiros em caso de acidente.

 

As primeiras fotos da versão comportada do GT3

Unknown-4

Há algumas semanas vimos um 911 misterioso, com a carroceria larga do GT3, porém sem a asa traseira e todo o aparato aerodinâmico da versão radical. Na ocasião, suspeitamos de que seria uma versão do GT3 com visual comportado, uma resposta da Porsche aos especuladores que fizeram os preços do 911 R disparar.

Unknown-1

Agora, à véspera da apresentação do modelo no Salão de Frankfurt, as primeiras fotos do GT3 Touring Package foram reveladas pela Autopresse antes da data de embargo — como sempre acontece com os lançamentos ultimamente.

De acordo com as informações publicadas junto com as fotos, o 911 GT3 Touring Package será equipado com o motor 4.0 aspirado de 500 cv, exatamente como o GT3 convencional, combinado unicamente ao câmbio manual. A velocidade máxima será de 316 km/h — apenas 2 km/h a menos que o GT3 alado.

Unknown

Por dentro ele terá revestimento preto de couro com tecido, mas ainda não ficou claro se ele terá bancos traseiros. O GT3 Touring Package também terá como opcionais os freios de carbono cerâmica e o pacote Sport Chrono.

 

Última unidade da LaFerrari Aperta é arrematada por US$ 10 milhões

Ferrari-LaFerrari-Aperta-Auction-1

A última unidade da LaFerrari Aperta, produzida unicamente para ser doada à beneficência, foi vendida nesta final de semana por nada menos que 8,3 milhões de euros — mais que o dobro do valor estimado pela RM Sotheby’s, que esperava vendê-la por entre 3 e 4 milhões de euros.

Ferrari-LaFerrari-Aperta-Auction-2

O exemplar final foi pintado de Rosso Corsa com faixas brancas longitudinais, atravessando toda a extensão do carro. O interior é todo de alcantara preta, com fibra de carbono envernizada e costuras vermelhas. O valor arrecadado será doado integralmente à instituição Save the Children, que defende os direitos da criança ao redor do mundo.

Matérias relacionadas

Os carros mais vendidos em março, VW quer recarga sem fio em seus híbridos, o motor do Koenigsegg One:1 e mais!

Leonardo Contesini

Um BMW 330i Motorsport, um Peugeot 206 inspirado pelo GTI e as novidades do GT40!

Leonardo Contesini

Qual a diferença entre powerslide, drift e derrapagem controlada?

Juliano Barata