A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Project Cars Project Cars #33

Project Cars #33 – os detalhes da preparação do Marea Weekend Turbo de Diego Louro

Enfim chega a hora de detalhar um pouco mais o meu projeto. Como estou com outras prioridades no momento o ritmo dos trabalhos vai ser reduzido, mas não vai parar. Minha meta é um ter um carro estradeiro, com potência mediana, boa estabilidade e capacidade de encarar as estradinhas de terra que encontro nas minhas andanças por aí. Por isso, meu projeto será feito da seguinte forma:

 

Motor

Manutenção

Como todos já sabem, meu Marea é turbo de fábrica. Atualmente ele está com uma turbina ligeiramente maior que a original — uma Master Power GT25 (da GM Silverado) e um escape de inox com catalisador Magnaflow e um único abafador Flowmaster, todos em inox, assim como a tubulação de 2,5” e a bomba Bosch (dinâmica 12 bar) e nada mais. Esse setup já me deu um ganho de torque impressionante em baixa rotação, atenuando a característica do câmbio longo dos Marea Turbo 1998/99. Vou reinstalar o filtro K&N inbox, e mais tarde adquirir uma turbina Borg Warner K24 que será montada na caixa-quente da turbina original.

Escape novo (1)

Em seguida entram os bicos Bosch Green Giants 42 lbs, velas Iridium e o novo remapeamento. A programação do chip varia de 300 cv a 350 cv, dependendo da pressão de sobrealimentação. Vou usar apenas 1 bar para poupar a transmissão dos até 55kgfm de torque que esse chip consegue gerar queimando gasolina Pódium.

Escape novo

 

Mesmo na configuração mais “conservadora”, com suficientes 300 cv, vou usar uma solução clássica, que consiste na adoção do sistema de embreagem do Tempra Turbo em conjunto com um disco de embreagem em carbono para evitar quebras da embreagem. Esse conjunto deve suportar até uns 40 kgfm. A princípio não vou mexer no motor, mas já estou me preparando para instalar um jogo de pistões forjados Iasa no futuro.

Pistões forjados Iasa 82,5mm (1)

O único ítem que eu não tenho é a embreagem, o restante já está disponível. O escape receberá um novo downpipe em inox,com um generoso revestimento térmico.

 

Freios, suspensão e rodas

Freios Brembo 4 pistões 320mm x 30mm

Os freios dianteiros estão prontos. Usarei um kit Brembo com pinças de quatro pistões (vieram de um Peugeot 607) e discos de 320 mm x 30 mm (oriundos do Audi S4) na dianteira. Antes da montagem vou precisar de espaçadores,visto que as pinças batem nas rodas de 17 polegadas do Bravo Wolverine. Os freios traseiros devem ganhar pinças traseiras do Peugeot 607, com discos de 290 mm x 10 mm. Esse conjunto é um pouco maior que o conjunto original do Marea Turbo.

A suspensão atualmente usa um kit de amortecedores Impacto Especiais com 50% mais carga nos dianteiros e 30% mais carga nos traseiros, em conjunto com molas para carros blindados que reduzem a altura em 20 mm. As molas dianteiras serão substituídas pelas originais pois a frente excessivamente rígida. Estou usando também uma barra estabilizadora do Fiat Coupé e uma barra anti-torção unindo as torres dos amortecedores.

Rodas R17 x 6,5 ET41 Bravo Wolverine

Fechando o pacote entram as rodas de 17 polegadas com tala 7, originais do Bravo Wolverine, com pneus Dunlop Sport Maxx na medida 205/45. Fora a excessiva rigidez da dianteira, o setup ficou excelente depois da adoção dos Dunlop.

 

Por dentro

Farei uma mistura usando a estrutura dos bancos originais com as espumas dos bancos do Fiat Coupé, garantindo muito mais apoio lateral. Mais adiante eles receberão uma nova forração — ainda não decidi qual, mas penso seriamente em couro perfurado e Ultrasuede cinza-escuro ou até azul. Alguns detalhes do painel receberão pintura fosca cinza. Estou tentando criar um pod de instrumentação auxiliar baseado no layout do painel original, para ser instalado junto aos difusores superiores do painel.

 

Por fora

Nos para-choques usarei entradas de ar Imohr direcionadas para os dois radiadores laterais (óleo e intercooler). Usarei também spoilers laterais e o já instalado aerofólio traseiro. Os faróis receberão lentes novas e originais e lâmpadas halôgenas Nokya 2500 K nos faróis de neblina. A carroceria será repintada, mas ainda não decidi se manterei o Azul Leader original ou Azul Maserati.

Par de dutos Naca  Imohr

Os spoilers laterais, aerofólio, saídas de ar do capô, racks e molduras das lanternas traseiras serão todos pintados no mesmo tom de cinza fosco das peças pintadas no painel. As pinças Brembo e a exclusiva tampa de válvulas do Fiat Coupé 20 v Turbo LE já receberam pintura em Vermelho Royal, e estão quase do jeito que eu quero.

Tampa do Coupé

Basicamente é isso o que estou fazendo por enquanto. Muitas peças já vieram, muitas outras ainda virão. O carro está sendo restaurado e preparado. Estou adquirindo muitas peças pequenas, daquelas que serão muito difíceis de encontrar num futuro próximo. Até o final de 2014 pretendo estar com tudo pronto, ou bem perto do fim. Nos próximos posts darei continuidade ao processo de restuaração/preparação. Até lá!

Por Diego Louro, Project Cars #33

0pcdisclaimer2

Matérias relacionadas

Participantes e leitores do Project Cars: dê sua opinião e veja as novidades!

Juliano Barata

Project Cars #214: a restauração e reconstrução do motor do meu Porsche 914 1973

Leonardo Contesini

Honda Civic Si Aspro: a preparação do motor K20 do Project Cars #368

Leonardo Contesini