A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Lançamentos Zero a 300

Série 8 Concept: que tal o visual do novo cupê de luxo da BMW?

Há pouco, pouco tempo mesmo, contamos a história do protótipo do BMW M8, o matador de Ferrari com um V12 de 560 cv que acabou nunca ganhando as ruas. Com seu visual radical e seu V12 de 6,1 litros 560 cv (que tem certo parentesco com o motor do McLaren F1) o protótipo é um entre vários motivos para o renascimento do culto ao BMW Série 8.

O “super grand tourer” da BMW foi vendido por pouco tempo, estabeleceu um novo patamar de desempenho e engenharia; sua versão mais potente, a 850CSi, já tinha um belo V12 de 5,7 litros e 380 cv e era capaz de chegar aos 290 km/h sem o limitador de velocidade, e acabou se tornando um ícone perdido dos ano 1990. Ele foi muito popular em miniaturas, como parte de uma coleção de carrinhos 1:24 fabricados pela Sunnyside, que colocava o Série 8 ao lado de modelos como o Lamborghini Diablo, a Ferrari F40 e Porsche 959, o que acabou contribuindo para colocar o carro de verdade entre os automóveis noventistas mais cultuados nos anos que se seguiram.

A BMW conhece a dedicação de seus seguidores por sua história – são caras que jamais vão deixar de admirar a marca, por mais que digam que as coisas eram muito mais legais quando os motores eram naturalmente aspirados, os nomes dos modelos refletiam seu deslocamento e não havia este negócio de separar os cupês em sua própria nomenclatura. M3 e M4? Que besteira!

Enfim, por saber que seus fãs são fiéis, a BMW sempre fez questão de valorizar carros marcantes de seu passado em conceitos modernos. É por esta razão que existe a série Hommage, formada por conceitos que homenageiam modelos como o M1, o 2002 e o 3.0CSL. Normalmente, estes carros são apresentados no Concorso d’Eleganza Villa d’Este, evento para carros clássicos que acontece todos os anos em Villa Erba, na comuna italiana de Cernobbio.

serie8-concept (7)

Depois de ter imagens “vazadas”, o BMW Série 8 Concept foi apresentado na edição de 2017 do Concorso, que começou hoje (26) e vai até domingo (28). Mas, desta vez, não se trata de um Hommage, e sim de uma prévia da versão de rua que deverá ser lançada no ano que vem.

De acordo com a BMW, o Série 8 “faz parte da maior ofensiva de modelos da história da companhia”, o que significa que outros lançamentos virão a curto prazo. A estratégia chamada “NUMBER ONE > NEXT” tem como objetivo reforçar a participação da BMW no segmento de luxo e, em parte é uma resposta à diminuição na demanda pelo Série 6, atual cupê de luxo da marca. Além disso, a BMW também precisa de uma resposta ao Mercedes-Benz Classe S Coupé, que reina praticamente sozinho no segmento, ao lado apenas do Bentley Continental GT.

serie8-concept (5)

Faz sentido, então, dar um pontapé inicial nas coisas trazendo de volta um nome mítico e consagrado, dando a ele uma roupagem moderna que respeita a identidade visual do carro original. E é exatamente isto o que o BMW Série 8 Concept faz.

Segundo a BMW, o carro foi feito para misturar referências ao cupê dos anos 1990 com elementos de design atual da marca da forma mais homogênea possível, e o resultado é um carro que representa a essência dos cupês de Munique.

serie8-concept (2)

serie8-concept (12)

A dianteira segue a tendência dos BMW atuais, com a grade em duplo-rim de tamanho bastante avantajado (bem diferente da grade discreta do Série 8 original, diga-se). Já os faróis a laser, bastante estreitos, são uma tentativa de emular o visual dos faróis auxiliares do E31. É possível que eles fiquem maiores no modelo final, mas o resultado estético aqui é bem interessante. A BMW diz que a moldura da grade, que forma um elemento único na dianteira, também é um aceno aos cupês clássicos da BMW – bem como o fato de a traseira ser bastante baixa. Já as grandes tomadas de ar no para-choque dão uma dose de agressividade à área.

serie8-concept (1)

Os respiros atrás das caixas de roda nas laterais dianteiras dão continuidade à linha das entradas no para-choque, e o vinco forte que vai do início das portas até os largos para-lamas traseiros, pelas palavras da própria BMW, “parece ter sido esculpido pelo ar que sai dos respiros”. Ok, podemos perceber, não é?

serie8-concept (17)serie8-concept (28)

O desenho das rodas de 21 polegadas, naturalmente, é inédito

A silhueta do carro é decididamente influenciada pelo desenho do Série 8 original, com capô baixo, o teto suave e a traseira relativamente longa. Já a traseira traz um aspecto mais moderno, em boa parte por causa das lanternas de visual bastante complexo, destacando-se da face posterior do Série 8 Concept como se estivessem flutuando. As lanternas avançam bastante nas laterais do carro e, posicionadas próximo ao topo do terceiro volume, ajudam a tornar a área visualmente mais larga. Para isto também contribuem as saídas de escape trapezoidais.

serie8-concept (19) serie8-concept (29)

Já o interior do carro é decididamente contemporâneo, e traz um aspecto comparativamente mais conceitual enquanto faz referência direta ao console central do Série 8 original. A BMW decidiu não poluir demais a área interna e apostou em formas limpas e sem firulas. Dito isto, o acabamento é bastante sofisticado, com metal e couro em profusão.

serie8-concept (23)1990_BMW_850i_04 serie8-concept (21) serie8-concept (25) serie8-concept (1)

Repare no contraste do padrão delicado do couro com a fibra de carbono exposta na estrutura do banco

O console central, que reúne todos os (poucos) controles do carro, é bem alto e traz uma tela sensível ao toque. O cluster de instrumentos é totalmente digital e traz uma interface minimalista que, assim como o fato de habitáculo criar um cockpit bastante envolvente para o motorista e separá-lo com decisão do carona, reflete que o foco do carro foi a experiência de guiar. Ou ao menos é o que a BMW diz.

serie8-concept (9) serie8-concept (6) serie8-concept (15)

O que eles não dizem é como será o Série 8 real deal, o carro que estará nas concessionárias e nas ruas. Aposta-se forte, porém, que o novo cupê deverá ser equipado com um motor 3.0 biturbo de seis cilindros na versão 840i, um V8 biturbo de 4.4 litros na 850i e (e finalmente no M8, se tudo correr bem), e um V12 biturbo de seis litros na versão 860i.

Matérias relacionadas

Justiça libera aumento de limites de velocidade nas Marginais de SP, preços dos combustíveis continuam subindo, Panamera Wagon chega neste ano e mais!

Leonardo Contesini

Porsche 919 Evo quebra recorde da F1 Spa-Francorchamps – e quer o recorde absoluto em Nürburgring

Dalmo Hernandes

Você sabia que existe relação entre mercado, corrupção e segurança no trânsito?

Leonardo Contesini
error: Direitos autorais reservados