A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Notícias

Supervette flagrado: este é o Corvette com motor central-traseiro

Parece um Lamborghini Gallardo, mas este é o novo Chevrolet Corvette C8, o primeiro com motor central-traseiro. Nós já havíamos visto o modelo antes em forma de mula de testes e, mais recentemente, em uma série de fotos borradas feitas à distância, que não revelavam grande coisa além de que o desenvolvimento do novo esportivo está acontecendo.

c8midengine-02-kgp-ed-1

Agora, os especialistas em flagras da KGP Photography encontraram o carro durante seus testes. Batizado como “Projeto Emperor”, segundo o site Detroit News, ele tem as proporções típicas de supercarros de motor central-traseiro: a dianteira curta (sem espaço para acomodar um V8 longitudinal) e a traseira alongada a partir do cockpit. Aparentemente as portas e para-brisa são os mesmos do atual Corvette C7.

A traseira novamente foi fotografada à distância e, para complicar a visualização dos detalhes, o protótipo está usando uma camuflagem pesada. Apesar de estarem ocultas, as lanternas serão o tradicional conjunto duplo que acompanha o Vette desde início dos anos 1960.

mid-engine-chevrolet-corvette-05

O que se sabe também é que ele será significativamente mais caro que o atual Corvette, e por isso a imprensa americana especula que a Chevrolet continuará oferecendo a versão com motor dianteiro — que poderá ser um tradicional V8 “pushrod”, ou então a estreia de um V8 com comando duplo nos cabeçotes. Também se espera que o modelo ganhe o nome Zora, em homenagem a Zora-Arkus Dantov, o “pai do Corvette” e também o primeiro a imaginá-lo com motor central-traseiro nos anos 1960.

Desde então, a Chevrolet (e também outras marcas da GM) trabalhou em diversos conceitos esportivos de motor central-traseiro, mas somente agora a marca americana decidiu criar um rival para o Ford GT e esportivos europeus como o McLaren 650S e a Ferrari 488GTB.

 

Embora seja um tanto confuso pensar em um Corvette de motor central-traseiro, ele precisava ser assim. Nos anos 1950 ele veio ao mundo como uma resposta aos roadsters europeus que começavam a fazer sucesso nos EUA. Faz todo o sentido que agora, depois de 60 anos, a Chevrolet desenvolva um supercarro americano de motor central-traseiro como resposta aos supercarros europeus que invadiram os EUA, não?

Fotos: KGP Photograpy via MotorTrend, AutoBlog e AutoGuide

Matérias relacionadas

Câmara rejeita o uso obrigatório dos simuladores em auto escolas

Leonardo Contesini

Kia Stonic no Brasil, o novo Mercedes Classe B, o fim do Ford Focus um Calibra de 315 km/h e as novidades da semana no FlatOut e no YouTube do FlatOut!

Leonardo Contesini

Lamborghini ainda não desistiu de lançar um sedã

Leonardo Contesini
error: Direitos autorais reservados