A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Car Culture

Os melhores comentários dos FlatOuters nesta semana!

10º lugar – 47 votos – Guzats (e mais um monte de gente)

Piadas infames são frequentes nos comentários do FlatOut e volta e meia uma delas vem parar aqui no Top Comments. Nesta semana, quem conseguiu o feito foi o leitor Guzats, fazendo um trocadilho super espertinho no post do Calibra Zakspeed de fibra de carbono:

Captura de Tela 2015-12-20 às 15.19.14

Acontece que, apesar de não ter muita graça (desculpe, Guzats…) ela desencadeou a maior sequência de piadas infames já vista no universo automotivo brasileiro:

 

Sim, é isso que você está vendo: 33 trocadilhos infames em sequência em plena tarde de terça-feira. Praticamente um crime contra a economia. Vocês ainda vão acabar colocando o FlatOut na blacklist dos servidores…

 

9º lugar – 51 votos – Renato

Na wishlist de natal dos FlatOuters — que foi toda escolhida por vocês — o leitor Renato pediu um presente que ainda não existe, mas bem que poderia (nunca diga nunca): a Bíblia Automotiva FlatOut, o instrumento dos deuses para ajudar os infiéis na conversão para o automobilismo:

Captura de Tela 2015-12-20 às 15.10.33

Depoimento totalmente real de um dos editores: “Minha vida estava perdida, eu não via futuro, mas então me converti ao automobilismo em 2008 e desde então minha vida mudou. Venha você também!”

8º lugar – Glaukin – 51 votos

Nesta semana o Clio RS 220 Trophy e seu motor 1.6 turbo de 220 cv estabeleceram um recorde de volta entre os hatches compactos em Nürburgring Nordschleife, com 8:32. Por aqui, o hatch francês está duas gerações atrasado e é basicamente o mesmo carro de 1999 — e equipado apenas um motor 1.0. Imaginando o desempenho do Clio nacional, o leitor Glaukin faturou 51 votos com este comentário:

Captura de Tela 2015-12-20 às 15.26.44

Obviamente exagerado, mas que instiga a curiosidade: para completar os 4,309 km de Interlagos em 8:32, a velocidade média seria cerca de 30 km/h — algo facilmente conseguido por um bom ciclista. Agora, quanto faria um Clio 1.0 16v brasileiro? O pessoal da Fullpower levou o March 1.0 (que usava o mesmo motor do Clio) para Interlagos e conseguiu 2:30,5. Como o Clio é mais leve e tem relações diferentes do câmbio, é provável que ele baixe alguns décimos desse tempo.

 

7º lugar – 56 votos – Fernando Biazon

Carros de madeira como o Splinter, que mostramos nesta semana, não são comuns. Sim, havia as peruas Woodie nos EUA dos anos 1930, 1940 e 1950, e também temos os Morgan. Mas ironicamente, a madeira também é o material do primeiro Project Car de todo entusiasta que não tinha medo de serrar umas tábuas e encher as mãos de farpas:

 

Captura de Tela 2015-12-20 às 15.21.05

Se você não teve seu dia de construtor de “supercarros”, só podemos lamentar por esse capítulo perdido.

 

6º lugar – 58 votos – SpecX

Nesta semana também vimos a polêmica dos moradores vizinhos ao Autódromo de Curitiba, que já estão fartos da rotina diária embalada pelos roncos de motores. Independentemente de estarem certos ou errados, o leitor SpecX sintetizou em uma imagem o que todos nós pensamos sobre ser vizinho do autódromo:

Captura de Tela 2015-12-20 às 15.14.32

Track days, stock, marcas e pilotos, arrancadas, truck e qualquer coisa que entrasse na pista para acelerar.

 

5º lugar – 62 votos – Utzig

Nesta semana vimos uma série de miniaturas extremamente realista criadas pelos artesãos britânicos da Amalgam. Elas podem chegar perto dos R$ 50.000 se você decidir importá-las para o Brasil. Agora imagine se você arremata um negócio desses e seus sobrinhos queridos decidem se divertir enquanto você não está?

 

Captura de Tela 2015-12-20 às 15.12.00

Nem precisa ser sobrinho. Pode ser o irmão mais novo, um primo. Quem nunca passou por essa triste situação?

 

4º lugar – 65 votos – b.c.

Mais um comentário sobre a polêmica dos vizinhos do Autódromo de Curitiba, desta vez resumindo o caso em uma pergunta — e um ditado popular:

Captura de Tela 2015-12-20 às 15.14.01

Faz sentido — ainda que seja discutível, como já aconteceu em Laguna Seca.

 

3º lugar – 70 votos – olhandoalua

Outra notícia da semana foi a descoberta de que o Uber não roubou passageiros dos táxis, mas sim atendeu uma demanda reprimida. Como toda polêmica nunca parece suficiente, o leitor olhandoalua fez um comentário pertinente a respeito dessa história de “roubar” passageiros:

 

 

Captura de Tela 2015-12-20 às 15.20.07

E com provas documentadas por boletins de ocorrência.

 

2º lugar – 73 votos – Black Cat Dj

O segundo comentário mais votado é, na verdade, um pedido — quase um apelo. Sim, alguns eventos acabam passando batidos pelo Zero a 300 e ainda estamos devendo um calendário. Mas fiquem tranquilos: em breve teremos novidades quanto a isso (e outras cositas más).

Captura de Tela 2015-12-20 às 15.24.45

 

E fica a dica: sempre é possível mandar os eventos para o nosso email [email protected]

 

1º lugar – 107 votos – MISTER M

Depois de dois adiamentos para a nova lei dos extintores, a obrigatoriedade do equipamento foi suspensa pelo Contran. Mas agora a Comissão de Transportes da Câmara dos Deputados suspendeu a resolução do Conselho Nacional de Trânsito em um vai e vem que já deixou os carros sem extintores por quase 12 meses. O leitor MISTER M resumiu bem como se sentem os motoristas brasileiros:

Captura de Tela 2015-12-20 às 15.06.07

Não entendeu? Então veja este vídeo:

Matérias relacionadas

Os Ford Mustang da Retrobuilt: quando só “retrô” não é o suficiente

Dalmo Hernandes

Este Porsche 911 Turbo 1976 foi o último carro do lendário Steve McQueen

Dalmo Hernandes

Este cara dirige seu Dodge Dart pelas ruas de Manhattan todos os dias há 40 anos

Leonardo Contesini